Canela, no Rio Grande do Sul, é uma das beneficiadas. Foto: flickr.com/photos/serragaucha

Tamanho da fonte: -A+A

O governo divulgou nesta segunda-feira, 14, os 262 municípios que serão beneficiados pelo programa de Cidades Digitais. Do total, 24 ficam na região Sul, dez no Rio Grande do Sul, nove no Paraná e cinco em Santa Catarina.

Serão investidos R$ 201 milhões no programa, que dotará os municípios de infraestrutura de telecomunicações para interligar os órgãos municipais com software oferecido pelo Serpro na nuvem e, ainda, oferecer pontos de acesso gratuito à população.

A escolha dos municípios, a exemplo do projeto piloto iniciado no ano passado com 80 cidades, obedece a alguns critérios como ter menos de 50 mil habitantes, baixo IDH e pequena penetração de acesso à Internet.

Serão usados backbones já existentes da Telebras, complementados por novas redes de fibras, que serão posteriormente doadas aos municípios. As prefeituras, então, poderão assumir diretamente o custeio ou autorizar a prestação do serviço por terceiros.

As dez cidades gaúchas foram Caçapava do Sul, Canela, Cerro Grande do Sul, Fontoura Xavier, Igrejinha, Itaqui, Rio Pardo, Rolante, Rosário do Sul e São José do Norte.

As nove catarinenses são Araquari, Curitibanos, Guaramirim, São Francisco do Sul, São Joaquim, Ibaiti, Imbituva, Jacarezinho, Jaguariaíva e Pinhão. As cinco paranaenses são Piraí do Sul, Reserva, Santo Antônio da Platina e São Mateus do Sul.