PORTO ALEGRE

UFRGS, PUCRS e Unisinos suspendem aulas por coronavírus

16/03/2020 12:20

As principais universidades da capital gaúcha pretendem retomar as atividades em abril.

No Rio Grande do Sul, são sete casos confirmados, sendo cinco deles em Porto Alegre. Foto: Pexels.

Tamanho da fonte: -A+A

A Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), a PUCRS e a Unisinos anunciaram a suspensão das aulas por conta da pandemia do coronavírus. 

No caso da UFRGS, a decisão vale a partir desta segunda-feira, 16, e segue até o dia 5 de abril para aulas de graduação e pós-graduação.

"O andamento das atividades administrativas e operacionais será avaliado e equacionado entre a administração central e as diferentes instâncias da universidade, com a possibilidade de aplicação da modalidade de trabalho remoto. As atividades essenciais serão preservadas", afirmou a universidade em nota.

Entre as atividades mantidas, estão as bancas de qualificação e de defesa de dissertação e de tese, mas o uso de recursos a distância é indicado. 

Os concursos públicos já programados para esse período também serão realizados e a instituição mantém abertos os restaurantes universitários.

A UFRGS ainda informou que a decisão para os casos não contemplados na nota divulgada será realizada nos próximos dias.

Já a PUCRS suspendeu as aulas presenciais a partir das 12h desta segunda-feira, 16, para os cursos de graduação, mestrado e doutorado.

As atividades acadêmicas da universidade deverão ser retomadas no modelo on-line a partir da próxima quinta-feira, 19, e serão conduzidas nesta modalidade até 12 de abril.

Bancas de qualificação e de defesa de dissertação e tese também serão mantidas com uso de recursos digitais. 

Outros casos receberão orientações específicas, como nos cursos de especialização, MBA e extensão, além das atividades de estágio e prática.

“A iniciativa busca zelar pela segurança da comunidade e suas famílias, sem comprometer o calendário acadêmico”, afirmou a PUCRS em nota.

A Unisinos, que possui campus em Porto Alegre e em São Leopoldo, na região metropolitana, também anunciou a suspensão de todas atividades presenciais por dois dias. Da próxima quarta-feira, 18, até o dia 3 de abril, as atividades acadêmicas serão realizadas à distância.

Segundo o Ministério da Saúde, o Brasil já confirmou 200 casos de coronavírus, com ocorrência em todos os estados. No Rio Grande do Sul, são sete confirmações, sendo cinco delas em Porto Alegre, além de 66 suspeitas.

Veja também

ACADÊMICO
Unicamp suspende atividades por coronavírus

A universidade é a primeira brasileira a adotar medida, que vale de 13 a 29 de março.

GESTÃO
Gartner: três dicas para lidar com coronavírus

O que os CIOs podem fazer para ajudar as suas empresas, além de lavar as mãos.

PANDEMIA
ASUG transfere conferência para junho

Associação de usuários da SAP decidiu se prevenir contra o coronavírus.

CORONAVÍRUS
Estados Unidos proíbe entrada de europeus

As restrições, que afetam 26 países europeus, fizeram despencar as ações das companhias aéreas.

ESTRELA
Michelle Obama vem para o VTEX Day

Ex-primeira dama será a estrela do evento. Isso é, se o evento realmente acontecer.

BRASIL
Coronavírus chegou. Setor de TI vai fazer algo?

Casos devem ter crescimento exponencial. Ainda não se veem medidas das empresas.

BRASIL
Mastercard fecha escritório em SP por coronavírus

Funcionário, que também esteve em Nova Iorque, foi diagnosticado com a doença.

SAÚDE
Amazon, Facebook e Google têm home office por coronavírus

Depois da Microsoft, medidas continuam concentradas em Seattle, nos Estados Unidos.

TENDÊNCIA
Coronavírus valoriza empresas de TI

Enquanto uns choram, outros vendem lenços. Aumento do home office é oportunidade para o setor.

TRABALHO
Microsoft ordena home office por coronavírus

Medida foi tomada nos escritórios de Seattle e São Francisco, nos Estados Unidos.