CAPACITAÇÃO

Grupo Boticário oferece curso com a Labenu

16/05/2022 13:09

Esse é o segundo ano que a empresa participa do Programa Desenvolve.

O Boticário é hoje a maior franquia do Brasil. Foto: Divulgação

Tamanho da fonte: -A+A

O Grupo Boticário, empresa brasileira de cosméticos, escolheu a Labenu, edtech que oferece cursos para inclusão de pessoas no mercado de tecnologia, para fazer a capacitação de profissionais no Programa Desenvolve.

O programa oferece educação gratuita na área de tecnologia a pessoas em vulnerabilidade social e tem como objetivo formar profissionais para que possam trabalhar na empresa no setor de tecnologia.

Para se inscrever no Programa Desenvolve, o candidato precisa ter mais de 18 anos, ensino médio completo e renda máxima de 1,5 salário-mínimo per capita. 

O domínio da língua inglesa e linguagem de programação não são uma exigência, pois isso é desenvolvido no curso.

As aulas deste ano iniciaram no dia 9 de maio, com uma turma com 30 alunos. 

“As pessoas selecionadas farão o curso de seis meses da Labenu no período da manhã e durante a tarde já estarão trabalhando no Grupo Boticário”, explica Ana Paula Lemes, responsável pela área de parcerias e relacionamentos com empresas na Labenu.

Este é o segundo ano que a Labenu participa do Programa Desenvolve. Em 2021, a edição contou com mais de 8,3 mil inscritos e dez pessoas foram escolhidas como bolsistas regulares.

De acordo com dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF), O Boticário é hoje a maior franquia do Brasil. São mais de 850 franqueados, duas fábricas — em São José dos Pinhais (PR) e em Camaçari (BA) —, além de quatro centros de distribuição. 

Além do nome principal, as franquias do grupo incluem as marcas Eudora, Quem disse, Berenice?, BeautyBox, Vult, Eume e Beleza na Web. A empresa possui mais de 4 mil pontos de venda no Brasil e presença em outros 15 países, com 12 mil empregos diretos e 40 mil indiretos. 

Em 2019, o faturamento da companhia cresceu 9%, chegando a R$ 14,9 bilhões.

Fundada em 2019, a Labenu trabalha com o modelo de bootcamps, cursos de alta intensidade com duração de 6 a 12 meses, com a formação de mais de 1 mil horas em conteúdos de front-end, back-end e soft skills.

A Labenu tem sede em São Paulo e conta com mais de 800 alunos em seu portfólio, sendo contratados por empresas como Vale, Accenture, Globo, Itaú e Meta.

Veja também

PAROU TUDO
Americanas: prejuízo de R$ 923 mi com ataque

Em fevereiro, os e-commerces Americanas.com e Submarino ficaram fora do ar por cinco dias.

DENTES
Fritsch, ex-Doctor Clin, está na Sorrifácil

Executivo assume novo desafio na área de saúde. 

CORTES
Zak demite 40% da equipe

Startup do segmento de restaurantes teria demitido 100 por videoconferência.

AÇÕES
B3 terá fundo para startups

Bolsa de valores tem R$ 600 milhões para digitalizar seu modelo de negócio.

LOGÍSTICA
Rabbot recebe aporte de R$ 23 milhões

Rodada foi liderada pelo fundo Bradesco Private Equity & Venture Capital.

PICOLÉS
Kibon adota soluções da Infobip

A companhia está investindo na comunicação B2B via WhatsApp.