CONSTRUÇÃO

Engibras gerencia projetos com Colaborativo

16/11/2021 17:30

Plataforma da Construtivo está sendo usada principalmente em obras do setor público.

Entre os projetos mais recentes, está a Estação Vila Formosa, do Metrô de São Paulo. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Engibras, uma das principais companhias brasileiras no setor de engenharia e construção, adotou o software de colaboração em nuvem Colaborativo, da empresa Construtivo, especializada em soluções e serviços para a gestão de engenharia.

A empresa precisava fazer a gestão executiva de seus projetos de forma automatizada e compartilhada, especialmente em obras do setor público — que exigem um controle seguro de processos por envolver diversos fornecedores.

Segundo a Engibras, a escolha pelo Colaborativo aconteceu por dois aspectos principais. O primeiro foi a flexibilidade e versatilidade para atender projetistas, construtores, gestores e clientes que acessam a ferramenta em diferentes níveis de trabalho.

Outro ponto considerado foi a funcionalidade de workflows, que acrescenta rastreabilidade na gestão dos projetos uma vez que mensura o andamento das atividades dos profissionais envolvidos por meio de alertas e prazos.

“O Colaborativo se tornou essencial para gerenciar os projetos públicos de infraestrutura com segurança e rastreamento de informações, uma vez que há uma grande quantidade de dados e pessoas envolvidas. Com esse controle, as obras tendem a ser entregues nos prazos”, avalia Flavio Henrique Cunha Lobato, executivo da Engibras.

Entre os projetos mais recentes gerenciados pela Engibras com o Colaborativo, estão a Estação Vila Formosa, referente à Linha 2-Verde do Metrô de São Paulo, e o pátio subterrâneo de estacionamento dos trens.

“O setor de engenharia e construção ainda se apresenta resistente no que tange ao uso da tecnologia, mas empresas como a Engibras tendem a quebrar esse paradigma e contribuir cada vez mais para que a adoção de ferramentas agilize os processos técnicos do setor”, destaca Marcus Granadeiro, CEO do Construtivo.

A Construtivo foi fundada em 1999 como uma joint venture do Grupo Santander. Com sede em São Paulo e filial em Porto Alegre, a empresa atende a mais de 40 mil usuários em 100 clientes, como UHE Belo Monte, CSN, Systra Vetec, CEEE, Voith, EBEI, Exto e CTG Brasil.

Sediada em São Paulo, a Engibras é parte de um grupo empresarial com 25 anos de experiência e patrimônio superior a R$ 900 milhões.

A companhia atua em obras como aeroportos, rodovias, ferrovias, metrôs, intervenções urbanas de grande porte, saneamento, complexos industriais e petroquímicos.

Veja também

RETORNO
VTEX reabre escritórios

Ocupação máxima será de 50%, funcionários fazem reserva de lugar com app.

SOFTWARE
Prophix é reconhecido pelo Gartner Peer Insights

Site de avaliação inclui mais de 215 mil análises verificadas em mais de 340 mercados.

NOVO NORMAL
Entrevista com especialistas em construção

Chuck Schwartz e Chris Porter discutem os desafios do gerenciamento de recursos em tempos de Covid-19.

PREVISÃO
Gestão de caixa no meio da construção

Durante momentos desafiadores da economia temos mais incertezas do que nunca.

EXCLUSIVO
Lyon Engenharia gerencia obras com Construtivo

Companhia acompanha cerca de 60 projetos simultaneamente.

MANUFATURA
3M do Brasil usa realidade virtual em treinamento

Funcionários aprendem a fazer manutenção com tecnologia da SafeLive.