Entre as funcionalidades da plataforma, estão projeções futuras da carteira e análises de desempenho. Foto: divulgação.

O BTG Pactual, líder entre os bancos de investimentos na América Latina, anunciou a aquisição de 100% do capital social da Kinvo, fintech baiana especializada na consolidação de investimentos, por R$ 72 milhões.

A conclusão e fechamento da operação estão sujeitos à verificação de determinadas condições precedentes, incluindo a obtenção de todas as aprovações regulatórias do Banco Central do Brasil.

Criado em 2017, o aplicativo da Kinvo permite ao investidor cadastrar seus investimentos, independente de qual instituição financeira ele está, consolidar esses dados como uma carteira, e, a partir daí, extrair métricas sobre a saúde dos investimentos.

Entre as funcionalidades da plataforma, estão projeções futuras da carteira, análises de desempenho e evolução do patrimônio.

Os investimentos consolidados na solução já podiam ser originários de qualquer banco ou corretora do país e, mais recentemente, a Kinvo também passou a oferecer o acompanhamento de ativos internacionais. 

Atualmente, a fintech possui mais de 700 mil usuários, com acesso de mais de 5 mil pessoas por minuto, que somam mais de R$ 100 bilhões em investimentos cadastrados.

Após a venda, a Kinvo deve continuar operando em seu formato original, consolidando investimentos de diferentes instituições financeiras. O acordo também mantém a gestão independente, com os mesmos fundadores e sem alterações na equipe, propósito ou marca.

Até abril, a fintech deve lançar o Kinvo 2B, que além dos investidores vai atender também consultores e demais participantes do mercado. 

“Também entraremos em uma fase de interação com o usuário e o uso de inteligência artificial e estamos nos preparando para uma nova versão do app, completamente reformulada e com novos recursos", adianta Moacy Veiga, fundador da Kinvo.

A aquisição faz parte da estratégia de expansão do BTG Pactual no segmento de varejo de investimentos.

Segundo o banco, a ideia é ampliar seu escopo de serviços e simplificar a jornada do investidor, desde a escolha dos produtos e aplicação de ativos à consolidação e acompanhamento dos investimentos em uma única plataforma. 

“Além disso, vamos permitir que o Kinvo possa acelerar o desenvolvimento de novas funcionalidades e frentes de negócio, criando sinergias não só com o BTG Pactual digital e o BTG Pactual Wealth Management, como também o BTG+", explica Marcelo Flora, sócio responsável pelo BTG Pactual digital.

Fundado em 1983, o BTG Pactual é líder entre os bancos de investimentos na América Latina desde 2012, atuando nos mercados de investment banking, corporate lending, sales & trading, wealth management e asset management. 

Atualmente, a instituição conta com mais de 3,6 mil colaboradores em escritórios espalhados pelo Brasil, Chile, Argentina, Colômbia, Peru, México, Estados Unidos, Portugal e Inglaterra.