4G para todo mundo na Claro. Foto: reprodução.

A Claro disponibilizará, a artir de abril, o seu serviço de 4G para todos os seus clientes, abrindo a oferta da banda larga de ultima geração também para seus assinantes de planos pré-pago e controle.

Com isso, todos os 69 milhões de clientes da opera poderão ter acesso às redes LTE da empresa, que já estão em operação em 78 municípios do país. Para isso, basta ter um aparelho compatível e fazer a migração para a nova tecnologia.

Com esta mudança, a operadora espera reagir no mercado nacional, onde foi a primeira a investir na implantação das redes LTE, mas rapidamente foi ultrapassada pelas concorrentes Vivo e TIM.

Em janeiro de 2014 a Claro, que pertence ao grupo mexicano América Móvil, somou 46,9 mil acessos 4G, ficando atrás dos 67,1 mil da TIM e dos 118,1 mil da líder Vivo.

A companhia é a segunda das quatro principais do país - Oi, Vivo, TIM e Claro - a tomar essa decisão. A TIM já tinha feito essa mudança, mas recebeu duras reclamações de seus clientes, afirmando que as velocidades no 4G não eram muito diferentes do oferecido no 3G.

Para ganhar esse jogo, além de apelar para toda a sua base de clientes, a empresa também planeja destacar a velocidade de sua rede que, registrou uma média de velocidade de 27,8 Mbps, segundo medição no ranking OpenSignal.

No Rio Grande do Sul, a operadora conta com o serviço na capital Porto Alegre, assim como em outras cidades como Novo Hamburgo, Bento Gonçalves, Canoas, Caxias do Sul, Lajeado e Viamão.

A Claro tem a segunda maior fatia no mercado gaúcho, com 17,6 mil acessos 4G, pouco mais de um terço que o número de acessos da líder Vivo, que tem 45,5 mil, conforme aponta o Teleco.

“A Claro inova mais uma vez ao ser a primeira a lançar ofertas de velocidade ampliada também para o público de voz pré-pago e controle. Nossa intenção é atender a demanda dos nossos clientes, por uma internet móvel cada vez mais veloz e com qualidade”, diz Rodrigo Vidigal, diretor executivo de marketing da Claro.