CORPORATIVO

Vivo lança unidade de cibersegurança

18/03/2019 09:42

A ElevenPaths conectará o SOC  da Vivo a uma rede global de outros 10 SOCs do Grupo Telefónica.

Alex Salgado, vice-presidente B2B da Vivo. Foto: DIvulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Vivo Empresas, segmento B2B da Telefônica Brasil, acaba de lançar no Brasil a ElevenPaths, unidade global de segurança cibernética do Grupo Telefónica. 

Com isso, a Vivo utilizará a nova área para oferecer aos clientes estratégias para mitigação de ameaças, proteção dos dados, redes, aplicações, nuvem e identidade. 

A ElevenPaths conectará o SOC – central de monitoramento, prevenção, detecção e solução de problemas – da Vivo a uma rede global de outros 10 SOCs do Grupo Telefónica ao redor do mundo.

O objetivo com a integração é potencializar o compartilhamento das melhores práticas, bases de conhecimentos e plataformas unificadas, ampliando a capacidade de prevenção, detecção e resposta. A rede usa inteligência artificial, algoritmos proprietários de análise e machine learning para detectar e combater ameaças.

“Seguimos evoluindo em nossa proposta de valor para oferecer aos nossos clientes de todos os segmentos e tamanhos tudo aquilo que é necessário para apoia-los nos desafios de custos de implantação e gestão de uma rede segurança da informação, bem como na contratação de profissionais especializados, na visibilidade para tomada de decisões e na gestão dos níveis de risco”, explica o vice-presidente B2B da Vivo, Alex Salgado. 

A ElevenPaths insere a Vivo em alianças de inteligência de ameaças como CyberThreat Alliance e Telco Security Alliance, que reúnem operadoras de telecom ao redor do mundo para construção de conhecimento e inteligência de ameaças através da visibilidade que o volume de tráfego de dados que transitam pelas suas redes proporciona.

A Vivo está presente em 4,4 mil cidades do Brasil com rede 3G, e mais de 3,1 mil com 4G. No segmento móvel, a Vivo tem 73,2 milhões de acessos.

Veja também

AZURE
Telefónica e Microsoft tem acordo focado em IA

As empresas expandirão o uso de serviços cognitivos Azure para processos de negócios e envolvimento do cliente.

CONEXÕES
Facebook banca provedor de rede no Peru

Rede social banca projeto da Telefônica com potencial para toda América Latina.

ESTRATÉGIA
Debate sobre nuvem chega na Justiça

Mega contrato do TJ-SP com a Microsoft é suspenso, mas nada está decidido ainda.

PRIVATIZAÇÕES
Serpro e Dataprev com os dias contados?

Salim Mattar diz que quer “vender ou fechar” as duas estatais de processamento de dados.

COLABORAÇÃO
Telefónica adota Workplace, do Facebook

A plataforma busca conectar os mais de 120 mil colaboradores pelo mundo.

LEILÃO
Quem vai levar o DC da Telefônica?

Brookfield, Digital Realty e Equinix disputam negócio, avaliado em US$ 600 milhões.

ESTATAIS
Ex-CIO da Telefônica assume Dataprev

Informação é do site O Antagonista. Executiva fez carreira de destaque em telecom.

DÉCADA
T-Systems assume DCs da Atento

Contrato é de 10 anos.

PRÉ-ACELERAÇÃO
UFRJ e Telefônica buscam startups

O Crowd Rio vai selecionar16 startups para pré-aceleração.