CAPACITAÇÃO

CI&T tem inglês para funcionários com Voxy

18/06/2020 14:47

Multinacional brasileira tem 2,7 mil funcionários em escritórios de sete países.

Em dez meses, 81% dos participantes utilizaram a plataforma da Voxy ativamente. Foto: Pixabay.

Tamanho da fonte: -A+A

A CI&T, companhia brasileira de desenvolvimento de software, implementou o programa de ensino da Voxy, empresa especializada em treinamentos de inglês corporativo on-line, para auxiliar no aprendizado de seus funcionários.

Com escritórios no Brasil, Estados Unidos, Inglaterra, Canadá, Portugal, China e Japão, a empresa tem a língua inglesa como essencial para a comunicação diária entre as suas diferentes bases.

Outra necessidade era a de qualificação para posições-chave dentro da empresa, como pessoas que atuam diretamente com clientes ou bases internacionais, além de desenvolver colaboradores para assumir futuras oportunidades internacionais. 

Para isso, a companhia precisava de uma solução tecnológica que também permitisse o acompanhamento do desenvolvimento dos alunos, chegando ao programa proposto pela Voxy.

A empresa de ensino apresentou à CI&T uma metodologia e conteúdos voltados às necessidades da empresa, com possibilidade de personalização das métricas e da configuração da plataforma e do painel administrativo.

Por meio da plataforma de gestão Voxy Command Center, a empresa tem acesso aos dados de utilização e ao progresso de cada um dos participantes. Com isso, a CI&T criou uma meta de estudos com foco no ganho de proficiência.

As lições da Voxy podem ser acessadas tanto pela web quanto por celulares, por meio de aulas on-line 24 horas por dia, com professores certificados, além de insights personalizados para cada aluno.

"Gostamos muito das aulas particulares, da disponibilidade dos professores e do material de estudo customizado", afirma Marília Varoni, colaboradora da CI&T e aluna inscrita na plataforma.

Em dez meses, 81% dos participantes utilizaram a plataforma da Voxy ativamente, completando cerca de 450 lições e participando de sete horas de aulas particulares. Mais da metade (53%) dos participantes avançaram pelo menos um nível.

Além disso, todos os alunos que concluíram ao menos duas avaliações do Voxy Proficiency Assessment mantiveram ou melhoraram seus níveis de proficiência, com um aumento médio de 272 pontos entre os testes.

"Nossa parceria com a CI&T é mais uma prova de que, para continuar relevantes no mercado, cada vez mais empresas deverão investir na capacitação profissional de seus colaboradores. E a fluência em inglês deve ser uma das prioridades”, ressalta Eliane Iwasaki, VP de marketing da Voxy.

Com sede em Nova York, a Voxy tem escritórios em São Paulo, Cidade do México e Cingapura. Em seu portfólio, estão empresas como Air France, AT&T e DHL.

Com 25 anos de atuação em tecnologia da informação e engenharia de software, a CI&T possui 2,7 mil funcionários e afirma duplicar seu faturamento de três em três anos desde a sua fundação. A empresa deve totalizar R$ 1 bilhão em receitas em 2020.

Veja também

FINTECH
BizCapital levanta R$ 65 milhões

Aporte série B foi liderado pelo DEG e teve participação do MELI Fund.

RH
Capgemini treina funcionários com Coursera

Cursos foram disponibilizados para os mais de 270 mil profissionais da empresa no mundo.

DADOS
Funcionários públicos recebem auxílio emergencial

Tribunais de Contas dos estados do Espírito Santo, Santa Catarina, Ceará e Goiás descobriram fraudes.

SEGURANÇA
Unisinos previne ataques com Check Point

Com implantação da Sentinela Security, mais de 36 mil tentativas foram bloqueadas desde abril.

LANÇAMENTO
Vem aí o pagamento via WhatsApp

Começando pelo Brasil, aplicativo permitirá transferir dinheiro e pagar por produtos e serviços.

INTEGRAÇÃO
Digibee recebe aporte de US$ 5 milhões

Após seu melhor trimestre, scale-up está investindo em expansão para os Estados Unidos.

COMUNICAÇÃO
Amazon adota serviço da Slack

Em contrapartida, plataforma vai migrar recursos para o Chime e expandir uso da AWS.

2020
Vakinha apanha no tribunal das redes sociais

Site de crowdfunding sofreu muita pressão por hospedar campanha de Sara Winter e seus "300".

CRISE
Software: é hora de ir apertar os clientes?

PWC recomenda que fornecedores façam auditorias nos clientes para elevar receitas.