Ana Amélia também falou de incentivo à industria criativa. Foto: divulgação

Tamanho da fonte: -A+A

A senadora Ana Amélia Lemos (PP) anunciou apoio a candidatura de Manuela D'Ávila (PCdoB) à prefeitura de Porto Alegre.

Em coletiva no evento Tá na mesa, da Fedarasul, a senadora confirmou o pedido de licenciamento do diretório municipal do partido, que apoia a candidatura de José Fortunati (PDT).

Ana Amélia justificou sua escolha por questões de "posição política". Também preferiu explicar a aliança com Manuela do que falar da opção de não apoiar o atual prefeito.

“A disciplina partidária não pode ficar acima da minha consciência como cidadã. É a minha liberdade individual”, afirmou.

No início de junho, quando o PP votou a escolha da aliança, a senadora afirmou nas redes sociais que tentou atualizar o “conservadorismo” do PP de Porto Alegre. “Estarei com Manuela porque é o melhor para a cidade”, escreveu.

Na reunião-almoço, em que Manuela D'Ávila também esteve presente, Ana Amélia explicou que seu engajamento se dará através do comitê, de comícios na Capital e nas redes sociais.

A conta no Twitter da senadora (@anaamelialemos) tem cerca de 14,2 mil seguidores. A deputada federal Manuela (@_manuela65) conta com 25,6 mil seguidores. Ambas dedicam-se a atualizar os perfis pessoalmente.

Em seu discurso, Ana Amélia tratou da situação econômica do Rio Grande do Sul e das deficiências estruturais do estado.

Um dos temas abordados foi o serviço de internet banda larga em regiões rurais. A senadora comentou também da necessidade de incentivo à economia criativa, à projetos inovadores e à educação.

“Acho ótimo atrair investimentos na Europa, por exemplo, mas será que ao saber da burocracia do nosso estado esses empresários vão querer se instalar aqui?”, questionou.

Ainda em Porto Alegre, a senadora participa do lançamento de uma rede social do Partido Progressista. A ferramenta pretende ser uma forma de interação entre filiados do PP-RS.

ELEIÇÕES

Nesta semana, foi divulgada a primeira pesquisa eleitoral do Instituto Methodus, encomendada pelo Correio do Povo, realizada em Porto Alegre. Manuela e Fortunati lideram a disputa.

Com um total de 1,6 mil entrevistados, na pesquisa estimulada a candidata do PCdoB tem 38,6% das intenções de voto, enquanto o atual prefeito aparece com 33,5%. Com essa estimativa, a eleição seria decidida em segundo turno.