VERISMIC NO BRASIL

Aiqon abre e quer 250 mil licenças no Sul e SE

18/10/2012 13:51

Empresa foi criada para trazer ao Brasil a americana Verismic, com meta de vender 250 mil licenças em dois anos, começando por Sul e Sudeste.

Thiago Felippe, CEO da Aiqon. Foto: divulgação

Tamanho da fonte: -A+A

A Aiqon IT acaba de ser criada, com sede em São Paulo, para trazer ao Brasil a solução da americana Verismic para gestão do consumo de energia em equipamentos de TI, com meta de vender 250 mil licenças em dois anos, focando inicialmente Sul e Sudeste. 

A ferramenta, batizada de Verismic Power Manager, já conquistou alguns clientes por aqui, como Grupo Abril, Sonda IT, Seprosp e Aceco TI, além de parceiros como ADVB-SP e Câmara e.net, na qual lidera o Comitê de Sustentabilidade.

A promessa é que já no primeiro mês de uso a solução reduza os custos de energia elétrica das companhias clientes entre 40% a 60%, com retorno de investimento entre cinco e nove meses, garante o CEO da Aiqon.

“Em um parque com mil computadores, por exemplo, é possível reduzir gastos em aproximadamente R$ 120 mil por ano, economizando energia para abastecer mais de 1,7 mil residências por um mês”, comenta Thiago N. Felippe, CEO da Aiqon.

A empresa recém-criada também será exclusiva no país na aplicação da certificação Carbon Neutral, referente a exigências mundiais de responsabilidade ambiental.

"Nosso alvo será atuar em empresas que contemplem grandes e médios parques de máquinas, tais como existem no governo e nos segmentos de educação, TI, saúde e call center, entre outros”, explica Felippe.

Conforme o CEO, o sistema da Verismic distribui o que a fabricante chama de “pequenos agentes” em cada computador para avaliar o nível de consumo das máquinas.

Através de relatórios de monitoramento, a solução permite criar regras como a desativação de monitor e dos próprios computadores, de acordo com o perfil do usuário.

A fabricante da solução aposta na parceira para crescer no país.

“O Brasil emergiu como uma potência econômica global, assim como tem inovado no quesito da responsabilidade ambiental”, aposta Ashley Leonard, CEO da Verismic Software.

Um indício do potencial do país, conforme o executivo americano, é que a meta do governo federal de reduzir a tarifa de energia, a partir do início de 2013, para ampliar a capacidade do setor industrial.

Atualmente, mais de 400 corporações em todo o mundo utilizam a solução Verismic, somando aproximadamente mil licenças implementadas.

Veja também

NUVENS CINZAS
Greenpeace: cloud usa energia suja

Apple, Microsoft e Amazon saíram mal na foto em um recente levantamento do Greenpeace sobre utilização de energia renovável.

USINA EM ATIVIDADE
Gasômetro: placas solares, energia limpa

A usina volta a produzir energia para Porto Alegre, mas sai o carvão e entra uma estrutura de placas solares, em um projeto de produção de energia limpa.

Furukawa certifica UOLDiveo em TI verde

A UOLDiveo foi certificada pela Furukawa no Programa Green IT.

Focado no descarte é tratamento correto de resíduos, o programa visa a gerar economia nas cadeias de primárias de produção de equipamentos de TI através de medidas como a reciclagem.

Segundo Roberto Kihara, gerente comercial da Furukawa, em seis meses, a UOLDiveo reduziu em 500 toneladas a extração de minério de cobre, além de diminuir em 50.391 kWh o consumo de energia.

TI Verde preocupa 500% a mais em 2 anos

Iniciativas de TI Verde, como redução do impacto ambiental e correto descarte de lixo tecnológico, estão entre as prioridades dos gestores de TI de empresas brasileiras para este ano.

É o que indica um estudo do Instituto Sem Fronteiras, realizado junto a 1.140 empresas, entre outubro de 2010 e fevereiro de 2011.

Abyara: R$ 400 mil, 25% mais thins e TI verde

A imobiliária Abyara Brokers ampliou em 25% seu parque de thin clientes, em um investimento que superou R$ 400 mil, incluindo servidores, softwares e 500 thins da Init, que vão atender a cerca de 1,5 mil corretores em oito lojas da empresa.

Segundo o CIO da imobiliária, Adriano Aquino, as máquinas garantiram a inserção da companhia na TI verde, com economia de energia elétrica.

PETRÓLEO VERDE
Petrobras poupa R$ 15 milhões com Green IT

Com virtualização de alguns servidores e modernização de outros, petrolífera reduziu consumo de energia em 63%.