UOL Diveo comprou a Compasso. Foto: Flickr.

A UOL Diveo anunciou a compra de 51% de participação na Compasso, empresa de Porto Alegre especializada na integração de soluções da Oracle.

O valor da transação, que já foi concluída, não foi revelado.

A Compasso possui centros de desenvolvimento de software no Rio Grande do Sul e no Ceará, além de uma unidade de negócios na cidade de São Paulo. Os 170 funcionários da companhia serão incorporados a UOL Diveo, que agora soma mais de 1,5 mil empregados.

“Nossos clientes poderão se beneficiar do amplo conjunto de ofertas de serviços, com alto teor de especialização e inovação em plataformas Oracle oferecidas pela Compasso que, combinados com a atual oferta de serviços e soluções da UOL Diveo”, declarou o CEO da UOL Diveo, Gil Torquato, em nota.

A nota afirma também que os gestores da Compasso permanecem na operação, visando a “manutenção do atual modelo de negócios da empresa”.

O negócio sinaliza que a UOL Diveo voltou às compras na área de software.

Em março do ano passado, a UOLDiveo comprou 51% do capital da paulista Solvo, especialista em prestação de serviços de TI  baseados em práticas de ITIL, Cobit, PMI e ISO 20000.

O negócio interrompeu um jejum de três anos. Ao longo de 2009, a empresa adquiriu a Boldcron, Uni5 e Tech4B, empresas de TI com produtos e serviços nas áreas de SaaS, refactoring, testes, monitoramento, qualidade, meios de pagamento, EDI, documentação eletrônica, supply chain, NF-e e SPED.

Durante algum tempo, elas permaneceram como marcas independentes, até serem integradas no portfólio da nova Unidade de Serviços Integrados ao longo do primeiro semestre de 2012.

A ideia da empresa é fortalecer a marca UOL Diveo, o braço da empresa voltado para a oferta de outsourcing e infraestrutura de TI do grupo UOL.
 
Parte do motivo da demora em anunciar a integração – e possivelmente, em voltar às compras - foi a própria compra da Diveo, no final de 2010.
 
Companhia com faturamento estimado em R$ 200 milhões e presença internacional, a Diveo foi a base a partir do qual a UOL reestruturou seu negócio corporativo, criando um braço de hospedagem de massa – o UOL Host – e outro focado no corporativo, o batizado de UOL Diveo.