Data center da Ascenty em Campinas. Foto: divulgação.

A Ascenty, empresa de soluções em data center no Brasil, anunciou uma ampliação em seu centro de dados em Campinas para atender ao aumento de demanda de serviços em cloud, hosting e colocation.

A reforma consiste na construção de um terceiro módulo (data hall) de 800 metros quadrados no local, que terá capacidade para receber mais 300 racks de equipamentos. Com entrega prevista para junho, a reforma é um investimento de R$ 30 milhões da companhia.

Para sustentar a estrutura, a empresa também adquiriu três geradores, três sistemas de transformação, três sistemas de transferência automática de energia e três sistemas UPS (fornecimento ininterrupto de energia), com 1,2 MW de energia dedicada a TI.

Além disso, o investimento inclui a compra de equipamentos de climatização e de refrigeração e, ainda, obras civis (como a instalação de piso elevado).

Segundo a companhia, todas as medidas servem para acompanhar o padrão estabelecido pelo centro, que em sua inauguração em 2012 recebeu a certificação Tier III do Uptime Institute.

Com os três módulos em operação, o data center contará com uma área total de 5 mil metros quadrados, com uma capacidade total de 800 racks de equipamentos.

Além dele, a Ascenty está construindo outros dois data centers, também no interior paulista - nas cidades de Jundiaí e Hortolândia, com um investimento de R$ 140 milhões. A empresa ainda estuda a construção de um segundo data center em Campinas.

Dinheiro para investir a Ascenty não deve ter em falta. A companhia é o empreendimento mais recente do americano Chris Torto, que montou a Vivax, vendida para a Net em 2007.

De acordo com informações veiculadas pela imprensa, a empresa começou com um aporte de R$ 250 milhões feito por Torto e pelo fundo de investimento americano Great Hill Partners.

A nova companhia é resultado da fusão Metro Fiber Brasil Telecomunicações (MFB) e Data Centers do Brasil (DCB), duas companhias criadas por Torto, com o data center paulista Ascenty, comprado em fevereiro de 2013.