Sócios da Life Capital. Foto: divulgação.

A Life Capital, gestora de venture capital recém fundada em Curitiba, está buscando quatro startups de saúde e bem-estar para investir na fase pré-seed com cheques de até R$ 1 milhão, todos em 2021.

Nos planos de investimento, estão soluções de atenção primária, SaaS, analytics, blockchain e inovações em cuidados com a saúde, além de startups de wellness, que ajudem as pessoas a terem uma vida mais saudável.

Os principais pontos analisados serão: mercado em crescimento acima de R$ 4 bilhões, time de fundadores e proposta de valor na resolução dos problemas propostos.

As startups que se encaixam na tese da Life Capital devem enviar o seu investor deck para o e-mail startups@lifecapital.vc.

Criada em 2020, a Life Capital fez seu piloto no ano passado, entrevistando startups indicadas por aceleradoras e fundos parceiros de venture capital para coinvestimentos. A gestora tem como sócios Alexandre Berger, Ana Luísa Seleme, Giovanni Tecchio e Jorge Buczek.

Berger liderou por 15 anos o Grupo Implus, gestor de ambulatórios corporativos recém adquirido pelo Grupo 3778, do qual o executivo agora faz parte do conselho.

Seleme é sócia da MedH, empresa curitibana de soluções em dados na área da saúde, pesquisadora da Pontifícia Universidade Católica do Paraná e já atuou em organizações como Paraná Clínicas e Hospital Universitário de Curitiba.

Tecchio é sócio da Valoo Business Growth & Financing, além de ser cofundador e COO da startup de fotos impressas Pym. O executivo também passou por empresas como Beauty Date, O Boticário e Bosch.

Buczek também é sócio da Valoo e foi CMO do Beauty Date, além de ter fundado a Agência 110 Marketing Digital e ter sido cofundador da startup TagBox.

Segundo a empresa, o objetivo principal é usar as competências complementares dos seus fundadores, colher os primeiros resultados e, depois, criar um fundo maior usando dessa característica de verticalizar a preferência de aportes para um setor em específico.

Recentemente, a gestora firmou um termo de cooperação para investimentos em startups da área da saúde com a Hotmilk, ecossistema de inovação da PUCPR que acelera startups e incuba 42 duas delas em seu programa.

A Hotmilk tem um programa de inovação voltado para a área da saúde (HiPUC), no qual a Life Capital teve sua participação em dezembro do ano passado.