DISTRIBUIÇÃO

Ingram Micro tem nova diretora financeira

19/05/2022 10:40

Amanda Oliveira será responsável pela nova linha de crédito da companhia aos parceiros.

Amanda Oliveira, diretora financeira da Ingram Micro Brasil. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Ingram Micro Brasil, subsidiária de uma das maiores distribuidoras mundiais de TI, anunciou Amanda Oliveira como a nova diretora financeira da companhia.

Oliveira reportará diretamente a Flávio Moraes, VP & Brazil Chief Executive da Ingram Micro, e irá liderar as equipes das áreas de tesouraria, controladoria, planejamento financeiro e tributário, impostos diretos, indiretos e pricing.

Além disso, será responsável pela nova linha de crédito da companhia aos parceiros.

A executiva está na empresa desde 2020, quando passou a liderar remotamente a área de controladoria. Na época, sua missão foi estabelecer processos robustos de governança, controles e melhores práticas de mercado.

Em novembro de 2021, participou ativamente da aquisição da BRLink, uma empresa brasileira especializada em serviços gerenciados na nuvem da AWS.

Antes da Ingram Micro, a executiva passou pelas empresas Establishment Labs, Arrow Electronics e Lexmark. Além disso, atuou por mais de 10 anos na The Mosaic Company e mais de 11 no Grupo Abril.

De acordo com o VP, a nomeação faz parte da estratégia da Ingram Micro Brasil para consolidar a posição de business partner da distribuidora junto às revendas, reforçando o pacote de soluções financeiras da companhia.

“Vejo a Amanda com grande foco em entender as particularidades de cada um dos nossos parceiros e muito próxima em ouvir e apoiar o crescimento das revendas com nossas soluções de crédito”, destaca Moraes.

A nova diretora conta que tem atuado na estruturação de equipes multidisciplinares.

“Estamos crescendo exponencialmente ano após ano, e, entre as minhas prioridades, está garantir a sustentabilidade e potencialização deste processo. Ainda há muito a se fazer e, no nosso mercado, é fundamental estar sempre um passo à frente”, afirma Oliveira.

Não existem levantamentos sobre o tema, mas a Ingram, presente no Brasil desde 1997, é hoje muito provavelmente a maior do setor de distribuição no país, com 600 funcionários, escritórios físicos em quatro cidades no Brasil, além de outros seis escritórios remotos.

No mundo, fica em segundo lugar, com faturamento de US$ 47,2 bilhões. A primeira é a Synnex (que por aqui é chamada de Synnex Westcon-Comstor, como resultado de fusões anteriores), com US$ 57 bilhões de receita.

No final de 2020, a Ingram foi vendida pelo HNA, conglomerado chinês que havia comprado a companhia em 2016, para o fundo americano Platinum Equity, por US$ 7,2 bilhões.

Em abril de 2021, Flávio Moraes assumiu o comando da empresa no Brasil. Antes disso, era diretor de cloud e soluções digitais e foi substituído por Carla Santos na área-chave para o futuro da organização.

Veja também

TELECOM
Ex-Ericsson assume vendas B2B na Motorola

Georgia Sbrana é a nova diretora do segmento na América Latina.

NUVEM
DataRain tem diretor de professional services

Gilson Sanches será responsável por estruturar a nova área da consultoria AWS.

DATA CENTERS
Odata tem nova diretora de ESG

Carolina Maestri vem do Boticário e já conhecia de perto a provedora de infraestrutura.

CONTRATAÇÃO
Take Blip traz ex-Serasa para segurança

Capitalizada por aporte, startup de chatbots reforça o time com Paulo Kimura.

DIRETORIA
Ex-Rappi assume marketing da Infracommerce

Ana Szasz atuou durante dois anos como diretora de monetização no aplicativo de delivery.

CONTRATAÇÃO
Certsys anuncia ex-Propay como diretora de RH

Heloisa Ramos tem passagem por empresas como Vivo, Claro e Doz.