INOVAÇÃO EM DEBATE

Menina do Vale, Gartner e mais no Paraná TIC

19/11/2012 10:14

Bel Pasce, a Menina do Vale. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

Curitiba sedia, na quinta e sexta-feira, 22 e 23, o Paraná TIC, maior evento de TI do estado segundo os organizadores, Assespro-PR e Sebrae-PR.

A paulista Bel Pasce, que depois de formar-se em Engenharia Eletrônica, Ciências da Computação, Matemática e Economia pelo MIT contou, aos 24 anos, sua experiência de empreendedorismo no livro "A Menina do Vale", é uma das palestrantes.

A brasileira, que em cinco anos trabalhou em empresas como Microsoft, Google, Deutsche Bank, algumas startups do Vale do Silício e em 2011 co-fundou o Lemon, aplicativo que permite armazenar e enviar recibos para administrar finanças pessoais, apresenta a palestra “As Startups”, no primeiro dia do evento.

A programação da quinta-feira também traz os paineis “Cloud, Mobilidade social e Informação”, com Cassio Drayfus, VP da Gartner Research; e “Norma ISO 29.110”, com Gisele Villas Boas, coordenadora de Qualidade e Normalização da Rio Soft.

Os painéis serão sobre tendências e a importância da inovação para o setor de tecnologia da informação.

Organização e análise de dados para Smart Cities são o tema do segundo dia do encontro, que terá palestras da diretora de Comunicação e Relacionamento do GRPCOM, Milena Seabra; e da diretora de Tecnologia da New Media Developers, Martha Gabriel.

Também haverá um painel sobre a importância da consolidação de uma governança estadual de TI, com a participação de Alípio Leal, secretário de Ciência e Tecnologia do estado; Julio Cezar Agostini, diretor de Operações do Sebrae-PR; Sergio Yamada, presidente da Assespro-PR e Emerson Cechin, coordenador do Programa Estadual de TI e Software do Sebrae-PR.

O Paraná TIC ocorre na sede do Sebrae (Rua Caeté, 150), na capital paranaense, das 8h às 18h30 no dia 22 e das 8h15 às 16h no dia 23.

As inscrições podem ser feitas no site do evento.

O investimento é de R$ 50 para associados da Assespro-PR, R$ 60 para empresas de APL de Softwares e R$ 100 para os demais.
 

Veja também

BOM DE TRABALHAR
GPTW: 21 do Sul entre as melhores de TIC

 

Sul figurou com 21 companhias no ranking das 100 Melhores Empresas para se Trabalhar de TI e Telecom do País, realizado pelo Great Place to Work em parceria com o site Computerworld.

DINHEIRO DE ANJO
Fundo de R$ 80 mi para startups do Sul

Recursos são da Finep (R$ 35 milhões) e  do Fundo Multilateral de Investimentos (Fumin), do BID, US$ 4 milhões. Ao menos 80% do fundo será investido em empresas com faturamento máximo de R$ 2,4 milhões, e até 20% podem ir para as  de faturamento inferior a R$ 16 milhões

DESEMEPNHO
PR tem boletim com indicadores de TIC

A secretaria da Ciência e Tecnologia do Paraná lançou um boletim de indicadores de C,T&I.

O objetivo é criar um sistema de indicadores relacionados a ciência, tecnologia e inovação, como força de aperfeiçoar a gestão e a formulação de políticas na área.

Sul é representado por três de TI no MPE Brasil

Três empresas de tecnologia da região Sul do país estão entre os representantes da edição nacional do MPE Brasil 2011 – Prêmio de Competitividade para Micro e Pequenas Empresas, que ocorrerá em março do ano que vem, em Brasília.

Entre os contemplados estão a paranaense Accion, empresa de serviços de gestão para TI; a Infogen Sistemas, catarinense que atua com ERP, CRM e BI, e a Metasig, gaúcha e desenvolvedora de software para TIC.

FORÇA REGIONAL
AMM Paraná cresce com IBM

Empresa de Maringá que atua também em Londrina, Curitiba e Rio de Janeiro abre nova operação e cresce 120%, tudo graças aos negõcios com a Big Blue.

SÓ NO PREGÃO
Paraná poupa R$ 26,8 milhões em telecom

Valor inicial, de R$ 35,4 milhões, foi reduzido para R$ 8,6 milhões durante o pregão. São 2.038 aparelhos para uso da administração direta e indireta contratados no último dia 1º.

VERBA NO SUL
Paraná receberá R$ 22,6 bi do PNLT

O Programa Nacional de Logística e Transportes (PNLT) do governo federal prevê que o Paraná deva receber R$ 22,6 bilhões em investimentos de infra-estrutura até 2022, dos R$ 45 bilhões que o governo pretende investir na região Sul.

IBGE: Paraná cresce mais que país

O Paraná cresceu acima da média da economia nacional na última década, informa o Valor Econômico, citando dados do IBGE.

Enquanto o país cresceu 28,9% de 2002 a 2011, a economia paranaense subiu 55,7%.

Conforme avaliação do IBGE, as principais alavancas do estado têm sido a safra de grãos e o aumento da produção de combustíveis.

A crescente venda de veículos produzidos na região de Curitiba também tem contribuído.

Paraná quer atrair empresas coreanas

O governo paranaense está de olho em investimentos coreanos.

Uma comitiva de diretores da Kotra, agência governamental coreana de promoção de investimentos, foi recebida no Paraná nessa segunda-feira, 09, para conhecer as “oportunidades de negócios” no estado.

Segundo Ricardo Barros, secretário da Indústria, Comércio e Assuntos do Mercosul, a nova política fiscal, chamada por ele de “moderna e flexível”, é a principal atração.

Paraná tem Wi-Fi grátis na beira da praia

A Copel Telecom, braço nas telecomunicações da Companhia Paranaense de Energia, instalou 15 estações de Wi-Fi no litoral paranaense.

Com alcance médio de 200 metros, os hot spots são interligados por fibras óticas e ficam nas avenidas e ruas que beiram as praias mais frequentadas, como Guaratuba, Matinhos (incluindo Caiobá) e Praia de Leste.

Em três dias, foram 1,8 mil usuários cadastrados.

Renault: mais R$ 500 milhões no Paraná

A Renault anunciou novos investimentos de R$ 500 milhões na ampliação da fábrica de São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, nesta quarta-feira, 04.

A MENINA DO VALE
Brasileira formada no MIT lança livro

Bel Pesce, 24 anos, já trabalhou no Google e na Microsoft, formou-se em diversos cursos, mora no Vale do Silício, criou seu próprio negócio e agora conta tudo.