Pesquisa aponta os melhores empregadores do Brasil. Foto: reprodução.

A pesquisa Top Employers 2013, divulgada na última semana, apontou no setor de TI as empresas SAS, Avanade e Schneider Electric entre os melhores empregadores do país.

A certificação, entregue por mais de vinte anos pela entidade holandesa CRF, que conduz a pesquisa em diversos países, é entregue às empresas baseando-se em suas práticas de RH e no que oferecem para seus funcionários.

Para fazer parte do ranking, as companhias devem atender a requisitos como benefícios primários como ações ou pensões, subsídios de licença, condições de trabalho flexíveis, reconhecimento, políticas de bem-estar, treinamento e desenvolvimento.

Além disso, também são avaliados o desenvolvimento de carreira oferecido aos funcionários e a cultura organizacional da companhia, ou seja, oportunidades de networking, iniciativas de diversidade, entre outros.

“As excelentes ofertas de carreira que as empresas Top Employers certificadas dedicam a seus funcionários mostram que elas consideram a gestão de talentos como prioridade máxima", afirmou Robert Schäfer, Project/Country Manager do CRF Institute.

As outras empresas selecionadas na premiação foram Bicbanco, Coca Cola FEMSA, Danone, Deloitte, EDP, Grupo Segurador Banco do Brasil e Mapfre, Prosegur, Purac, Souza Cruz, Takeda, Technip Brasil, Umicore e Valeo.

SAS, AVANADE E SCHNEIDER

No Brasil desde 1996, a SAS Brasil fornece soluções de inteligência analítica e BI para cerca de 200 clientes, em diferentes setores como finanças, telecomunicações, varejo, energia, governo, manufatura e educação.

A empresa possui escritórios em São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília, com aproximadamente 180 colaboradores.

Controlada pela Accenture LLP, a Avanade trabalha com tecnologias Microsoft e conta com cerca de 350 colaboradores no país. Em 2012, a companhia já havia figurado entre as empresas do Top Employers.

“A Avanade também desenvolve um programa específico de mentores internos para seus empregados em todos os níveis. Os colaboradores recebem um apoio fundamental de profissionais mais experientes que os direcionam em seu crescimento dentro da empresa”, afirma Beatriz Alli, líder de Recursos Humanos da Avanade no Brasil.

A Schneider Electric tem 5 mil colaboradores no Brasil, onde tem 13 filiais comerciais e 9 unidades fabris: Guararema, Sumaré, Curitiba, Fortaleza, Blumenau, Caxias do Sul, Manaus e duas na cidade de São Paulo.

A empresa tem feito uma aquisição por ano no Brasil desde 2010, ano no qual comprou o Grupo Steck, empresa paulista do segmento de baixa tensão e no ano seguinte foi a vez da SoftBrasil, que fornece soluções de gestão da informação industrial, otimização de processos, telemonitoramento e automação industrial.

Em 2012, a compra da gaúcha CP Eletrônica, fabricante gaúcha de no-breaks, foi outro negócio anunciado pela Schneider.