TI LIBERADA PARA O CORE

Engevix virtualiza data center com Dell

20/03/2013 17:47

TI da Engevix gasta 87% menos tempo em gerenciamento de infra. Foto: reprodução.

Tamanho da fonte: -A+A

A Engevix, empresa de engenharia com faturamento anual na casa do R$ 1,6 bilhão, contratou um projeto de virtualização de servidores da Dell que mais do que triplicou sua capacidade de armazenamento – de quatro terabytes para 15 terabytes – e otimizou em 50% o tempo de resposta dos sistemas.

O projeto englobou um ambiente virtual baseado em servidores Dell Power Edge com a plataforma Hyper-V, da Microsoft.

Além disso, o contrato, de valor não divulgado, incluiu o Dell Deployment Services, voltado a otimizar a utilização dos servidores Windows Server 2008 R2 com Hyper-V em um cluster de três servidores Dell PowerEdge R710, além de três storage arrays Dell EqualLogic PS6000XV.

Não bastasse esta estrutura, a empresa sediada em Barueri com unidade em Florianópolis também contratou dois servidores Dell PowerEdge R71, que rodam o banco de dados SQL, switches Dell PowerConnect 7024 para conectividade e uma biblioteca de fita Dell PowerVault TL2000 para rodar o backup.

Conforme Waldemar Augusto de Oliveira Neto, Gerente de Infraestrutura de TI da Engevix, o projeto reduziu em 87% as horas necessárias para gerenciamento da infraestrutura, e em 30% o consumo de energia.

O executivo lembra que a demanda surgiu em função do crescimento na área de serviços de EPC (engenharia, aquisição e gerenciamento de construção) da companhia, que denotou um gargalo no ambiente de servidores, composto então por 15 máquinas físicas, cada uma delas dedicada a rodar um aplicativo de negócio.

O resultado deste ambiente inicial era pouca flexibilidade, alta demanda de tempo da TI para gestão e suporte, e problemas com inatividade dos sistemas.

“Sempre que precisávamos de um novo aplicativo para um projeto, tínhamos de rodar um servidor dedicado distinto. Nossos funcionários gastavam 16 horas por semana gerenciando servidores e armazenamento em nosso data center”, conta Oliveira Neto.

Além disso, a empresa enfrentava muito tempo de paralisação não planejada e quando o hardware ficava indisponível, afetava a produção interna e poderia acarretar atraso nos projetos entregues na ponta, relembra o gerente.

Daí partiu a decisão de migrar o ambiente do data center para uma plataforma virtual, com armazenamento centralizado, e a ideia agradou tanto que a Engevix foi além e contratou o serviço ProSupport, da Dell.

“Neste serviço, técnicos especializados oferecem assistência técnica 24 horas por dia, sete dias por semana, com ações de prevenção proativa de problemas relacionados a hardware e software”, ressalta Ciro Julio Schmitt, diretor de TI da Engevix. “Hoje, temos uma economia de 728 horas anuais da equipe de TI”, completa.

Para enfatizar, ele exemplifica dizendo que antes do novo ambiente, os processos de provisionamento, entrega, implementação e configuração de servidor demoravam aproximadamente 20 dias. Hoje, um novo servidor é disponibilizado em três horas.

“É um ganho de 98% de tempo”, complementa.

Presente em seis países da América do Sul, América Central e África, a Engevix emprega mais de 4,3 mil colaboradores e atua em projetos nas áreas de óleo e gás, energia, siderurgia, mineração, papel e celulose e infraestrutura.

Veja também

Invepar, Triunfo e Engevix levam aeroportos

O consórcio liderado pela Invepar, a Triunfo e a Engevix venceram o leilão de concessões dos aeroportos de Guarulhos, Campinas e Brasília realizado na tarde desta segunda-feira, 09, na BM&F Bovespa.

Ao todo, o leilão arrecadou R$ 24.535.132.500.

A Invepar, que no consórcio tem parceria com a sul-africana ACSA, venceu a disputa por Guarulhos, com oferta de R$ 16,213 bilhões, ágio de 373% em relação ao lance mínimo estipulado pelo governo (R$ 3,424 bilhões).

Gruppen e Dell: virtualização em Caxias do Sul

A Gruppen Consultoria de Informática, empresa parceira Dell, realiza na terça-feira, 21, o evento TI Tradicional x TI Virtual: um novo conceito para o futuro, das 18h às 21h30, no Hotel Blue Tree Towers (Rua Pinheiro Machado, 2867), em Caxias do Sul.

O evento abre debate sobre as melhores práticas e soluções de virtualização para pequenas e médias empresas da região.

Mãe de Deus: virtualização é saúde!

O Sistema de Saúde Mãe de Deus está em vias de padronizar a base de sistemas de todos os seus hospitais, espalhados por Porto Alegre, Torres, Capão da Canoa, Campo Bom, Taquara, Santo Antonio da Patrulha e Canoas.
 

DBACorp: R$ 8 milhões com infra e virtualização

A criação das áreas de Infraestrutura e Virtualização impulsionaram os negócios da DBACorp em 2011: a companhia, especializada no desenvolvimento de infraestrutura para banco de dados, faturou R$ 8 milhões, alta de 10% sobre 2010.

Para 2012, a meta é manter o mesmo índice de crescimento, segundo Juarez Pereira de Araújo, diretor Comercial da empresa.

Metadados: virtualização com Support

A Support Informática, implantou um sistema de perímetro e antivírus e virtualizou os servidores da Metadados.

JF-PR: rumo à virtualização total

A Justiça Federal do Paraná (JF-PR) reduziu de 100 para 40 os servidores de seu parque com um projeto de virtualização assinado pela curitibana Zeittec e que, até agora, já reduziu em 40% o consumo de energia no órgão, que projeta migrar, até o fim deste ano, toda a estrutura para a nuvem.

O projeto é baseado em tecnologias de infraestrutura de rede da Attic, Furukawa e IP Metal, distribuídas pela Delta Cable.

Semeato: virtualização com VMware e NetFive

A Semeato, fabricante de máquinas e implementos agrícolas com sede em Passo Fundo e sete unidades no Rio Grande do Sul e Minas Gerais, contratou um projeto de virtualização da NetFive, baseado em tecnologia VMware.

Com um parque de TI que reúne mais de 20 servidores e cerca de 400 estações de trabalho, a Semeato iniciou a virtualização, baseada na plataforma vSphere, pela migração da infra de armazenamento.

DATA CENTER
Dell moderniza braço de TI da Lufthansa

Empresa de TI da aérea presta serviços a 16 países, incluindo o Brasil, onde um cliente é a Gol.

CARREIRA
Rafael Schuh assume canais da Dell

Gaúcho substitui Marçal Araújo. Na empresa desde 1999, Schuh atuou como diretor de Marketing e vendas canais.