O app passa os dados do telefone para o painel. Foto: l i g h t p o e t/Shutterstock.

O Google lançou hoje um app do Android Auto que permite que smartphones rodando Android 5.0 ou superior se comuniquem com o rádio e sistemas de informações e entretenimento de carros. O aplicativo passa os dados do Google Maps, Mensagens, Google Play Music, clima e outros aplicativos a partir do telefone para o painel do carro.

A Pioneer já tem algumas unidades de painéis para carros - caras - que podem executar o Android Auto a partir de hoje, mas a implantação do software do Google para carros tem sido muito lenta - apesar da grande lista de parceiros da indústria que a empresa arredondou para cima.

Não será possível fazer muita coisa com o app Android Auto se o usuário não tiver o hardware necessário no carro. Ele só verá uma tela solitária com uma opção para desativar o emparelhamento com veículos desconhecidos.

Obviamente, o app existe apenas como um link entre o telefone e o carro e não tem a intenção de fazer muito mais.

O movimento faz parte da tendência de conectar os carros. O Gartner indica os carros ligados à web como um dos produtos que vão disparar nos próximos anos. Segundo a consultoria, até 2020 cerca de 150 milhões de veículos serão conectados.

Comparando com o número total de carros circulando atualmente no mundo - cerca de 1 bilhão, segundo aponta a revista Ward's Auto - a marca é considerável. Deste total de 150 milhões, de 60% a 75% serão capazes de consumir, criar e compartilhar dados por meio de internet sem fio.