IMPRESSORAS

Chineses compram Lexmark

20/04/2016 09:54

Lexmark agora é de chineses. Foto: Divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

Um grupo de investidores liderado pela fabricante de chips para cartuchos de tinta Apex Technology comprou a Lexmark por US$ 3,6 bilhões.

A fabricante de impressoras americana faturou US$ 3,55 bilhões no ano passado e nos últimos tempos tem feito investimentos em softwares de gestão de documentos como uma maneira de diversificar negócios.

De acordo com dados do IDC, o mercado de impressoras caiu 10,8% em 2015. No Brasil, o tombo foi mais do que o dobro: 22%.

Frente a essa situação, a Lexmark fez movimentações para aumentar sua presença em software e serviços.

Em março do ano passado, a companhia comprou a Kofax, empresa de aplicações inteligentes em gestão de documentos, por US$ 1 bilhão.

Com a operação, a Lexmark praticamente dobrou o tamanho de sua unidade de negócios em software - chamada Perceptive - para aproximadamente US$ 700 milhões, melhorando sua atuação em um em segmento que movimenta cerca de US$ 10 bilhões e cresce cerca de 10% ao ano. 

Da parte dos chineses, a aquisição da Lexmark faz parte de uma farra de compras no exterior, totalizando mais de US$ 100 bilhões em 2015, um recorde, em busca de acesso a novos mercados em meio a desaceleração da economia da China.

Em março deste ano, o conglomerado chinês de aviação, logística e turismo HNA comprou a distribuidora americana de tecnologia Ingram Micro por US$ 6 bilhões. 

Veja também

MEDICINA
Lexmark adquire Claron Technology

O negócio foi fechado em aproximadamente US$ 37 milhões.

BPO
Simpress: impressão para Abyra Brokes

A Abyara utiliza em torno de 50 equipamentos, entre impressoras e multifuncionais.

FUTURO
HP: impressão com mira no corporativo

Empresas ainda oferecerem perspectiva de crescimento no negócio de impressoras.

FUSÃO
Lexmark compra Kofax por US$ 1 bilhão

Fabricante investiu em desenvolvedora de aplicações inteligentes em gestão de documentos.

COPY&PRINT
Kalunga: EFI e Ricoh para impressão

Empresa passará oferecer serviços de impressão digital em um projeto piloto em sua unidade de Moema.

UNIVERSIDADE
PUC-RS: impressão com totens Videosoft

Objetivo é trazer mais agilidade na impressão com o uso do terminal de auto-atendimento.

IDC
Mercado de impressão cai 22,8%

As vendas de 2015 geraram US$ 676 milhões, declínio de 14,7% em relação a 2014.