PTC quer ampliar no Sul.

A Infoaxis, revenda da PTC com matriz em Campinas, acaba de inaugurar filiais em Porto Alegre e Joinville.

As operações gaúcha e catarinense completam a presença da empresa no Sul, onde a companhia já tinha filial em Curitiba. Completam a lista São Paulo e Belo Horizonte.

A empresa tem uma base de 80 clientes no Sul, entre usuários dos sistemas de CAD e PLM da PTC.

O número total de clientes ou o faturamento em 2012 não é revelada pela companhia. A meta para 2013 é crescer 50%. Ao todo, a empresa emprega 25 funcionários.

“Queremos aumentar muito a presença da PTC na região. A Infoaxis trabalha com automação de sistemas de engenharia e integração com sistemas de gestão, entre outras coisas”, aponta  Edward Pereira Jr., diretor da InfoAxis.

A PTC fechou o primeiro trimestre de seu ano fiscal 2013 (outubro, novembro e dezembro de 2012) com receita de US$ 321 milhões, alta anual de 2% em moeda corrente. Para todo o ano, a estimativa é de US$ 1,34 bilhão.

CENÁRIO
O mercado de CAD e PLM está passando por um momento de consolidação no Brasil.

Em fevereiro desde ano, a paulista IST Sistemas anunciou uma fusão com a revenda SolidWorks gaúcha Max3D. A nova operação tem cobertura em Joinville, São Leopoldo, Caxias do Sul e Curitiba, além de outras seis cidades pelo país.

A tendência dentro da Solidworks  e da PTC parece ser estimular fusões e expansão dos seus canais no país, criando players mais fortes com atuação nacional.

As mineiras AcessoCom e SixCAD, uniram operações como SixCom. A própria IST já havia comprado a carteira da SolidMinas em 2011.

No universo da Autodesk, a grande movimentação foi a compra do distribuidor PARS pela chilena Sonda por R$ 94,7 milhões em março de 2012.