Programa quer desenvolver soluções verdes para as cidades. Foto: flickr.com/photos/traftery.

A Schneider Electric, especialista em gestão de energia, abriu as inscrições do programa Go Green in the City destinado a estudantes de todo o mundo que desejam estagiar na empresa. Uma das etapas será em Paris e os vencedores visitarão outras unidades da companhia no mundo.

O objetivo é desenvolver soluções verdes para as cidades. 

Podem participar universitários das áreas de negócios, financeiro, social e engenharia a partir do segundo ano do curso.

O projeto deve ser de soluções inteligentes em gestão de energia em cinco setores: residencial, estudantil (cidades universitárias), comercial, água e saneamento e hospital. 

Cada projeto apresentado deve ser realizado em dupla e um dos participantes tem que ser do sexo feminino.

“Os futuros profissionais estão cada vez mais conscientes de que o aumento da demanda por energia precisa ser equilibrado com o progresso social e proteção ambiental”, afirma Leni Nunes, vice-presidente de Recursos Humanos da companhia.

A expectativa é que tenha participantes de pelo menos 31 países, 12 a mais do que no ano passado. 

Cem projetos serão selecionados para a segunda fase, em que uma sinopse e um vídeo deverão ser criados. Nesse momento, os jovens contarão com a orientação de colaboradores da empresa.

As doze melhores duplas irão defender sua tese, em junho, na sede da companhia em Paris. Os vencedores conhecerão três unidades da Schneider Electric no mundo e iniciarão um estágio no Brasil. 

O Go Green in the City foi criado em 2012, quando os vencedores eram da PUC-MG. Em 2013, foram 538 inscritos e duas duplas do Rio Grande do Sul chegaram à final.

As inscrições para essa edição podem ser feitas até 15 de fevereiro pelo site do programa.

A Schneider Electric teve um faturamento de 24 bilhões de euros em 2012. São 5 mil colaboradores no Brasil, 13 filiais comerciais e 10 unidades fabris: Guararema, Sumaré, Curitiba, Fortaleza, Blumenau, Porto Alegre, Manaus e três na cidade de São Paulo.