A Zara tem 57 lojas físicas em 17 estados do Brasil. Foto: Divulgação.

A Zara abriu um novo canal de vendas no Brasil com a estreia de e-commerce da marca na quarta-feira, 20/3. 

De acordo com a Exame, a criação do e-commerce no Brasil, onde a Zara atua desde 1999, faz parte de uma estratégia global. No país, a marca conta com 57 lojas físicas em 17 estados.

Pablo Isla, presidente da Inditex, controladora da Zara, declara que todos os 96 países em que a Zara está presente terão uma plataforma de vendas online até 2020. No ano passado, mercados como Austrália e Nova Zelândia passaram a contar com o canal de ofertas digital.

Em 2018, o e-commerce foi responsável por 12% das vendas do Inditex pelo mundo. A companhia tem a Zara como carro-chefe, representando 69% do faturamento do grupo.

No ano passado, a receita do Inditex foi de € 26,1 bilhões. As Américas são responsáveis por uma fatia de 15,5% do faturamento do grupo. 

A Espanha, onde o Inditex foi fundado, responde por 16,2%, enquanto o restante da Europa fica com 45,1% das vendas.

De acordo com o Zara Index, índice criado pelo BTG Pactual que avalia os preços de 12 produtos vendidos em lojas da Zara de 43 países, o Brasil é o local mais caro para adquirir roupas da marca.

Assim, a empresa enfrenta o desafio de contornar o preço para competir com nomes como Riachuelo, C&A, Marisa e Renner, outras varejistas de grande porte que já tem presença no e-commerce brasileiro.