Zeinal Bava. Foto: divulgação.

A Oi iniciou em Porto Alegre a etapa gaúcha de sua iniciativa Projeto Click, um conjunto de ações para melhorar a qualidade de serviços e atendimento aos clientes, com capacitação dos técnicos.

Com o programa, a operadora deve capacitar cerca de 1.466 funcionários, que passarão a usar uma nova ferramenta de gestão para as equipes de campo. O Click conta com um software de Work Force Management (WFM), com o objetivo de aprimorar todas as etapas da cadeia de atendimento.

A ClickSoftware, multinacional especializada em software de gestão de força de trabalho, desenvolveu o software móvel e foi a empresa escolhida para implementar o projeto.

Na implantação, 496 municípios do estado serão contemplados, com a capacitação de técnicos que prestam serviços aos clientes nas áreas de telefonia fixa, banda larga e telefone público.

O projeto piloto começou em Belo Horizonte, no início de setembro do ano passado, e está sendo implantado em fases em outras cidades. O projeto terá 30 mil técnicos envolvidos e estará disponível em toda a área de atuação da Oi até junho de 2014.

Segundo Zeinal Bava, a nova plataforma terá resultados positivos no agendamento de técnicos, em que o usuário pode definir e controlar melhor a data e horário para receber as visitas.

“Por outro lado, o projeto Click ajuda a valorizar o papel dos nossos técnicos, pois os capacita a atuar em mais de um tipo de serviço e a oferecer melhores soluções em menos tempo”, afirma o presidente da Oi.

O presidente completa que, com a nova ferramenta, será possível otimizar a rota de atendimento, dando mais autonomia aos técnicos, com a redução no tempo de viagem, melhor controle dos compromissos e diminuição das falhas dos agendamentos.

Esta semana, a operadora anunciou a finalização de um processo de capitalização da companhia, injetando cerca de R$ 14 bilhões no cofres da companhia.

Para marcar este investimento, o presidente da companhia, Zeinal Bava, iniciou um roadshow em 10 estados brasileiros para mobilizar as equipes e alinhar a estratégia de gestão da telecom.

Segundo informações do Teleco, a TIM ocupa o segundo lugar no mercado nacional, com 27,02% do púslico, enquanto a Vivo lidera com market share de 28,68%. A Claro tem 25,13% e a Oi conta com um share de 18,49%.