STARTUP

BTG Pactual adquire controle da Resale

21/06/2019 09:21

Na transação, o banco assumiu 65% do capital da startup.

O BTG Pactual assumiu 65% do capital da Resale. Foto: Divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

O BTG Pactual anuncia a aquisição do controle da startup brasileira Resale, responsável por uma plataforma de venda de imóveis retomados em garantias de empréstimos imobiliários. 

Na transação, o BTG Pactual assumiu 65% do capital da startup, enquanto os sócios empreendedores, Marcelo Prata e Paulo Nascimento, mantiveram os 35% restantes. 

A aquisição do BTG foi concretizada por meio de uma joint-venture entre suas divisões Special Situations e de Investimentos Imobiliários. O valor do negócio, autorizado pelo Banco Central em maio, não foi revelado.

Criada em 2015, a Resale oferece soluções a instituições financeiras para facilitar a gestão comercial de imóveis recebidos de financiamentos imobiliários inadimplentes e a sua posterior venda ao mercado. Além de conectar esses estoques de imóveis a diferentes canais de venda, a plataforma também pode atuar na venda direta ao consumidor, dependendo da estratégia comercial de cada banco.

Cerca de 80% do valor da aquisição serão investidos em tecnologia, na expansão da capacidade operacional da Resale e na aposta de novos segmentos do mercado imobiliário. 

Dessa forma, a startup espera ampliar de 2 mil para 10 mil o volume de imóveis comercializados por meio da plataforma até 2021. 

“Há muito mais oportunidades para serem exploradas além dos segmentos óbvios, como os de lançamentos e imóveis usados. O mercado de retomados, por exemplo, ainda engloba imóveis de incorporadores inadimplentes, da União, de Estados e Municípios, além de ativos em processos judiciais”, afirma Alexandre Camara, sócio do BTG Pactual.

O BTG Pactual aposta na capacidade da startup de trazer para sua plataforma o estoque dos imóveis retomados dos bancos em todo o Brasil. 

“Acompanhamos a trajetória da Resale, que hoje já atende alguns dos maiores bancos do país, e isso não deve mudar. Agora, nosso papel, é aportar nosso conhecimento do mercado de recuperação e gestão de ativos imobiliários, para garantir mais robustez à plataforma e oferecer maior valor agregado ao mercado”, explica Camara.

Com essa estratégia, o BTG Pactual espera capturar sinergia entre as operações da Resale e a Enforce, o braço de recuperação de créditos vencidos e inadimplentes do banco, que também atua na precificação de imóveis e na gestão de carteiras de ativos estressados. Adquirida pelo BTG Pactual em 2016, a Enforce já tem uma carteira superior a R$ 35 bilhões sob gestão.

“Os imóveis retomados são apenas uma janela de oportunidade para apresentarmos mais inovação ao setor. Devemos criar novos mecanismos para ajudar os bancos a reduzir os estoques, assim como garantir mais liquidez ao mercado, permitir aos mutuários honrar os pagamentos das prestações e mitigar os prejuízos de todas as partes envolvidas”, afirma Prata.

Com o novo sócio, a Resale pretender investir em tornar a jornada de compra do usuário final mais didática e amigável.

Veja também

ARENA
Amcham e Agibank tem concurso de startups

Podem participar startups em estágio operacional, com produtos já validados no mercado. 

FINTECH
Mutual capta R$ 4 milhões na EqSeed

A rodada se tornou a maior captação individual da história do segmento de equity crowdfunding no país.

INSIGHTS
Banrisul: análise preditiva com IBM

A ferramenta é o primeiro passo para uma futura adoção da plataforma de inteligência artificial Watson.

IBM
CIO do Bradesco integra lista de precursoras em IA

Walkiria Marchetti está entre as 40 mulheres mais notáveis para a IBM no uso de IA nos negócios.

FINANÇAS
Acesso é primeira cliente da Mambu no Brasil

A empresa alemã de soluções para bancos digitais atende a mais de 180 instituições em 45 países.

JURÍDICO
BMG captura processos com E-Xyon

A E-Xyon realiza a análise diária de 100 mil processos cíveis e trabalhistas.

MERCADO
Fintechs: 47 fecharam no último ano

O número total de fintechs no país saltou de 453 para 604, um aumento de 33%.

FEBRABAN
Rede blockchain envolve 9 bancos

O sistema permite o compartilhamento de informações entre as instituições parceiras.