André Sorpreso.

A Pruvo, especialista em gestão do ciclo de vida das aplicações, acaba de criar uma versão do seu produto Monitor de Processos focada em acompanhar o tempo de respostas de aplicações de ERP da SAP.

O software, que está sendo oferecido de momento de maneira gratuita, permite a visualização em tempo real de performance do sistema relacionada a um processo de negócio - seja pedido de compras, faturamento ou qualquer outra transação.

A expectativa da empresa é atingir 50 novos clientes nos próximos dois anos com essa nova oferta e que o Monitor de Processos chegue a representar 60% do faturamento da empresa até o final do que vem.

Nascida em 2013 de uma joint-venture entre as nacionais TechTrends e Cadmus, a Pruvo faturou R$ 420 mil em 2014. Neste ano, a meta é chegar a R$ 2 milhões.

“Identificamos um mercado com necessidade de melhoria de performance e decidimos que era hora de preencher essa lacuna, mas ao mesmo tempo sem acrescentar complexidade. Você não precisa de uma linha de código sequer para utilizar nosso monitor em qualquer ponto dos processos”, conta André Sorpreso, diretor executivo da Pruvo. 

A Pruvo não é uma novata em tecnologias da SAP. Um das suas primeira linha de negócio era  automação de testes em ambiente SAP, ofertados como serviço.

São clientes dessa oferta empresas como Valeo, Honda e a Engine, empresa de consultoria SAP que faz parte do grupo TechTrends.

A Cadmus, uma das controladoras da Pruvo, é uma companhia nacional, com escritórios em São Paulo, São Caetano do Sul, Sorocaba e Rio de Janeiro e cerca de 120 clientes. Ela conta com um faturamento anual na média de R$ 100 milhões.

Já a TechTrends é uma empresa de investimentos no mercado de tecnologia, braço da Global Way, que identifica soluções inovadoras e exclusivas e atua como uma facilitadora para a implantação das companhias no Brasil. 

A companhia já atuou na implantação no Brasil de companhias como a E2Open, de integração e automação em supply chain, Embarcadero, de bancos de dados, Engine e ForeSee.