Ethos Intelligentsia: tudo em nuvem para pequenos. Foto: Flickr.com/edans

Tamanho da fonte: -A+A

O Grupo Ethos lança o Ethos Intelligentsia, solução que reúne ERP, BI, BSC e serviços como plano de negócios, planejamento estratégico e projetos de financiamento junto ao BNDES, FCO, FNE, FNO e outras, para o mercado de PME.

“A solução, que empreende um processo de inteligência capaz de transformar dados em ações, provê governança corporativa para planejar e inovar, criar e aprimorar produtos e serviços, além de organizar rotinas administrativas e responder a demandas como o SPED”, explica o CTO do Grupo Ethos, Roberto Sabio.

Quanto à obtenção de recursos junto a instituições de financiamento, já é especialidade do grupo – a Ethos é, originalmente, especializada em projetos de captação de recursos para o BNDES Online, e em agosto deste ano se fusionou com a Light Solutions, de cloud computing, dando origem ao Grupo Ethos.

No Inteligensia, a companhia investiu mais de R$ 1 milhão, segundo o CTO, o que incluiu projetar uma arquitetura dentro de padrões internacionais de software, com base em cloud e vendida em formato SaaS.

“Isso representa o fim da obsolescência dos sistemas e a possibilidade de ter tecnologias avançadas, sempre, um diferencial importante para as PMEs”, destaca Sabio.

O executivo explica que, na plataforma, foi formatada a emissão dos relatórios mais utilizados nos painéis gerencial e comercial de empresas, o que sanar um problema conhecido das PMEs, que é o acúmulo de funções por um profissional e a dificuldade de ter alguém dedicado à TI em tempo integral.

“Com isso, as empresas não precisam de um profissional de TI na hora de traduzir dados ou inserir parâmetros para extração de relatórios,” explica o CTO.
 
A plataforma concentra, ainda, módulos de gestão de estoque, vendas e distribuição, CRM, workflow e GED.

Com sede em São Caetano do Sul, o Grupo Ethos também trabalha com soluções de parceiros como Microsoft, Thomas Lanz Consultores e ABIH - Associação Brasileira da Indústria de Hotéis.

A empresa não divulga dados de receita, mas afirma que a meta é crescer 40% ao ano e chegar a 2013 com 2 mil clientes, aproveitando a base instalada de Ethos e Light, que hoje soma cerca de 200 nomes.