HÍBRIDA

Autopass: infra com Oracle e VMware

22/04/2022 17:10

Projeto baseado em processadores Intel é da V8 Consulting.

Rodney Freitas, CEO da Autopass. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Autopass, empresa de tecnologia, soluções e serviços associados à mobilidade urbana, adotou uma arquitetura redundante baseada em Oracle Cloud VMware Solution (OCVS) com a V8 Consulting, integradora paulistana de soluções corporativas para nuvem.

Anteriormente, a companhia já havia adotado a solução Oracle Exadata X8M com a consultoria e precisava expandir sua capacidade de processamento de dados e performance de rede sem comprometer a sua rotina de operação — com mais de 4,5 milhões de transações diárias.

Neste cenário, a equipe do Grupo V8 considerou a projeção de crescimento do portfólio da empresa nos próximos anos, o contexto de retomada da economia pós-pandemia e a demanda por soluções de modernização dos meios de pagamento dos transportes metropolitanos.

A partir disso, a consultoria desenhou uma arquitetura redundante baseada em Oracle Cloud VMware Solution (OCVS), um produto que permite executar o stack de data center definido por software (SDDC, na sigla em inglês) da VMware em servidores dedicados na Oracle Cloud Infrastructure (OCI).

A migração do data center foi feita sem que a operação cotidiana fosse afetada e a capacidade de transação diária suportada pela infraestrutura passou de 35 milhões para 66 milhões, podendo alcançar até 240 milhões.

As instâncias de processamento são compostas por processadores Intel Xeon Platinum, o que fornece para a companhia a maior contagem de núcleos de CPU disponível para qualquer solução baseada em VMware no mercado atual.

Segundo a empresa, a solução proporcionou redundância de aplicações e melhores índices de processamento e de memória, com estabilidade, performance e alta disponibilidade.

A arquitetura híbrida teria permitido a migração dos workloads da Autopass baseados em VMware para a OCI sem a necessidade e obrigatoriedade de modificá-las.

O uso da nova infraestrutura também acelerou o time-to-market para lançar novos produtos e serviços, como o cartão TOP, em que o passageiro tem os benefícios com integração entre a carteira de transporte e uma conta digital.

"O principal diferencial da V8 é a preocupação com a solução personalizada para o cliente. O propósito consultivo da V8 entende as dores do parceiro para poder oferecer a ele exatamente o que precisa”, avalia Rodney Freitas, CEO da Autopass.

Criada em 2014, a V8 atua com soluções ponta-a-ponta e multicloud, desde infraestrutura até projetos de gerenciamento e virtualização de dados, big data e inteligência artificial — trabalhando com as marcas Oracle, Google, Dell, VMware, Delphix e Veeam.

A carteira de clientes da integradora é formada por empresas como Oi, SPC Brasil, Banco Original, Rumo e Intervalor. Em 2021, a consultoria faturou R$ 185 milhões, alta de 8% em comparação com o ano anterior.

Fundada em 2009, a Autopass opera a bilhetagem eletrônica no transporte público de 43 municípios do estado de São Paulo com mais de 11 milhões de cartões emitidos, incluindo o pagamento de passagens de ônibus, metrô e trem com cartão de crédito, débito ou pré-pago.

Veja também

FINANÇAS
NTT Data tem novo CFO

Fabio Castelucci já passou por empresas como Sonda e HP.

INOVAÇÃO
Feevale assina convênio com Instituto Caldeira

Parque Tecnológico da universidade busca se estabelecer de forma mais sólida em Porto Alegre.

DATA CENTERS
Odata tem nova diretora de ESG

Carolina Maestri vem do Boticário e já conhecia de perto a provedora de infraestrutura.

VAREJO
COOP migra para S/4 Hana

Projeto na cooperativa de supermercados e drogarias contou com a Accenture.

TRABALHO
Regras de home office mudaram. Quais os impactos?

É preciso que as empresas atentem para alguns pontos.

MEIAS
Lupo terá hub de inovação

Espaço será inaugurado neste ano e contará com o Onovolab.