Eckart Uhlmann Diretor da Franunhofer e Rafael Lucchesi Diretor de Educação e Tecnologia do Sistema Indústria. Foto: Miguel Ângelo/CNI

A Sociedade Fraunhofer, instituição alemã sem fins lucrativos especializada em transferência de tecnologia, assinou um contrato de consultoria no valor de R$ 3 milhões anuais para ajudar na  gestão dos 23 Institutos de Inovação a serem criados pelo Senai.

O acordo foi assinado nesta quinta-feira, 21, em Brasília.

Um dos 80 institutos ligados à Sociedade Fraunhofer, a  maior organização de pesquisa aplicada da Europa, com orçamento de 1,8 bilhão de euros em 2011, o Fraunhofer IPK apoiará o Senai na elaboração dos planos de negócios para a gestão nacional institutos.

A parceria também envolve o Instituto de Tecnologia a Laser, a ser instalado em Florianópolis, onde o Senai integra o Sistema Fiesc.

Além disso, o Fraunhofer IPK dará suporte ao SENAI no desenvolvimento de soluções de gestão para outras sete unidades: os Institutos SENAI de Inovação em Eletroquímica (PR), Automação da Produção (BA), em Microusinagem (SP), em Química Aplicada (RJ), em Metais e Ligas Especiais (MG), em Polímeros de Engenharia (RS) e em Energia Alternativa (RN). O Instituto de Tecnologia a Laser será instalado em Florianópólis.

A implantação dos Institutos de Inovação é um programa com financiamento de R$ 1,5 bilhão do BNDES, mais R$ 400 milhões de recursos do Senai, visando a criação dos institutos, mas também de 38 Institutos Senai de Tecnologia, 53 centros de formação profissional e aquisição de 81 unidades móveis para atender a qualificação profissional onde ainda não há escolas do Senai.

A meta é aumentar a oferta de formação profissional, de serviços técnicos e tecnológicos e de pesquisas em inovação para a indústria.