Conexões móveis estão bombando no Brasil. Foto: flickr.com/photos/thebelisles.

Tamanho da fonte: -A+A

Um relatório divulgado pela Telebrasil revelou que o Brasil teve um aumento de 74% no número de conexões móveis, elevando o total de conexões móveis para 65,5 milhões, com cerca de 85 milhões de acessos. Este número representa um aumento de 53% desde outubro de 2011.

Conforme a entidade, o país conta com 52,5 milhões de celulares 3G e mais 13 milhões de terminais de dados - modems 3G e chips de conexão máquina a máquina (M2M) - usados em terminais de pagamento.

Outra dado constatado pelo Telebrasil é de que a rede 3G registra uma nova conexão a cada 1,1 segundo, chegando atualmente a 3,1 mil municípios brasileiros, atendendo 87% da população. Os dados são da Exame.com.

Por sua vez, a banda larga fixa cresceu cerca de 9% em um ano, chegando a 20 milhões de conexões.

IMPACTO NO PIB

Para avaliar os impactos que as redes de telefonia móvel de próxima geração causam na economia, a GSMA e a Deloitte divulgaram um novo estudo nesta semana.

Entre as constatações da pesquisa, os países com um nível mais alto de uso de dados por conexão 3G observaram um aumento em seu crescimento per capita do PIB de até 1,4%.

Além disso, em mercados em desenvolvimento, uma expansão de 10 por cento na penetração da telefonia móvel aumenta a produtividade em 4,2%.