Darlei Abreu e o reitor Joaquin Clotet. Foto: Gilson Oliveira/Divulgação PUC-RS

Tamanho da fonte: -A+A

O gaúcho Darlei Abreu, engenheiro eletrônico que atuou na HP por 25 anos, recebeu nesta sexta-feira, 23, o título de Mérito Universitário da PUC-RS.

O diploma, entregue pelo reitor Joaquim Clotet, contempla personalidades por sua contribuição ao ensino, à pesquisa, extensão ou à causa universitária.

A lista de contemplados é seleta: desde 2002, foram quatro, incluindo Reinholdo Aloysio Ullmann, na área de antropologia cultural (2002), Paulo Bonavides, em direito constitucionalista (2004), Maria Lucia Martineli, em serviço social (2008) e Yeda Pinheiro Dick, em química (2011).

Abreu construiu carreira em diversas áreas da HP, até  ocupar o  cargo de diretor de pesquisa e desenvolvimento, sendo responsável pelo relacionamento da subsidiária brasileira com diversos laboratórios de P&D da multi no mundo.

A interação com universidades locais, centros de pesquisa e parceiros tecnológicos também ficou a cargo do diretor gaúcho.

“Em suma, os resultados de seu trabalho colocaram a HP num contexto de integração internacional competitivo e extremamente dinâmico, integrando a filial brasileira a outras unidades HP que atuam em pesquisa e desenvolvimento de novas tecnologias, contribuindo, também, para promover os nomes das instituições de ensino e centros de pesquisa neste cenário internacional”, informa a PUC-RS.

Formado em Engenharia Eletrônica e com Mestrado em Ciência da Computação, ambos pela UFRGS, Abreu trabalhou, antes de ingressar na HP, na própria universidade federal e na Edisa, à frente do  departamento de P&D, liderando atividades relacionadas à  hardware e software.