Xbox puxa faturamento da Microsoft. Foto: reprodução.

A Microsoft anunciou um lucro líquido de US$ 6,56 bilhões em seu segundo trimestre do ano fiscal 2014, um aumento de 2,8% nos ganhos em relação ao mesmo período no ano anterior.

A receita líquida da companhia comandada por Steve Ballmer ficou em US$ 24,52 bilhões, um incremento de 14,3% sobre o que foi registrado um ano antes. O resultado superou as expectativas de especialistas, que estimavam uma receita de US$ 23,7 bilhões.

Segundo analistas de mercado, o sucesso do lançamento do seu último videogame, o Xbox One, foi o principal impulso para o faturamento. A informação é do Valor.

Segundo dados divulgados pela empresa de Redmond no início de janeiro, foram vendidos cerca de 3 milhões de unidades do console desde seu lançamento em novembro.

A segunda versão do tablet Surface também foi outro motivo para o crescimento na receita. Considerado por muitos um avanço notável sobre o fraco primeiro modelo, o tablet teve grande procura do público, e inclusive chegou a ficar em falta em diversos varejistas norte-americanos.

Os bons números divulgados pela fabricante tiveram resultados rápidos na Nasdaq. As ações da companhia subiram 4,7% no pós-fechamento da bolsa, cotadas a US$ 37,75.