BANCOS

Schettini assume TI do Itaú

24/02/2015 09:55

A promoção é parte de uma remodelação na administração do banco.

Marcio Schettini.

Tamanho da fonte: -A+A

Marcio Schettini acaba de assumir a Recém criada Diretoria Geral de Tecnologia, Operações e Eficiência (DGTO) do Itaú Unibanco Holding.

A promoção é parte de uma remodelação na administração do banco, que passa a ser feita por um comitê executivo composto por três diretores gerais e dois vice-presidentes.

O executivo liderará todas operações que viabilizam os negócios da  Diretoria Geral de Atacado e  Diretoria Geral de Varejo, que dividem as diferentes linhas de negócio do banco.

Além disso, Schettini cuidará das atividades de compras, administração predial e do data center que a companhia está construindo em Mogi Mirim, no interior de São Paulo.

“Tecnologia é um grande desafio para nós já que é essencial para viabilizar nossa agenda de eficiência e simplificação, mas também pela conjuntura que atravessamos, com inúmeras inovações que têm transformado o mundo e a indústria bancária”, explica Roberto Setubal, presidente do Itaú, na nota que divulgou as mudanças.

Com as alterações, sai do comitê executivo Alexandre de Barros, vice-presidente da área de Tecnologia, deixa o posto e permanece no banco como consultor e assessor especial da DGTO.

Schettini é um funcionário de carreira, com 25 anos de Itaú. Antes de assumir a nova posição, o profissional era responsável pelas divisões de Cartões de Crédito, Financeiras, Pagamentos e Adquirentes, Financiamento a Veículos, Crédito Imobiliário e Empresas de Seguros.

O executivo é formado em Engenharia Elétrica com Especialização em Otimização de Sistemas pela PUC-RJ com mestrado em Administração de Empresas e Finanças também pela PUC-RJ e graduado pela Harvard Business School no OPM. 

Veja também

APP
Itaú: campanha no Waze para bicicletas

Pins foram utilizados nos mapas das cidades para marcar a localização das estacões de bike.

ATENDIMENTO
Bancos abrem agências sem caixa

As agências não aceitam pagamento de contas de consumo e não lidam com dinheiro em espécie.

SUSTENTABILIDADE
Itaú: US$ 400 mi para energia renovável

Objetivo é colaborar para a sustentabilidade energética do país, que sofre com falta de abastecimento.

NA NUVEM
Santander mira briga no storage

Banco espanhol quer se tornar lugar de confiança para depósito de dinheiro e de dados.

CONTRATO DE 3 ANOS
Banco de Brasília: R$ 46 mi para Unisys

A Unisys fornecerá ao banco dois modelos high-end de sua linha de servidores ClearPath Libra 8290.