MEDICINA

Hospital das Clínicas tem projeto 5G pioneiro

24/03/2022 15:43

Iniciativa envolve Claro, Embratel, Ericsson e a NuT.

Hospital das Clínicas da USP. Foto: Divulgação

Tamanho da fonte: -A+A

O Hospital das Clínicas da USP vai usar conexão 5G na sala de cirurgia robótica do Instituto de Câncer do Estado de São Paulo (Icesp), um dos maiores centros de oncologia da América Latina.  

O projeto envolve a Claro, a Embratel e o InovaHC, núcleo de inovação do hospital, além da Ericsson, que fornecerá todos os equipamentos e a NuT, startup responsável por implementar as técnicas de integração de dados.

A operação deve iniciar no primeiro semestre deste ano, com a execução de uma prova de conceito (PoC), fazendo com o que o Hospital das Clínicas seja o primeiro hospital público do Brasil a utilizar a tecnologia.

Na PoC, as informações de monitoramento do paciente serão integradas em uma base de dados que permitirá o acompanhamento e avaliação da equipe médica de forma remota.

As informações permanecerão dentro da instituição e serão transmitidas e organizadas em um banco de dados de forma anonimizada, ou seja, sem que se possa identificar a que paciente se referem. 

“Para o InovaHC, a colaboração entre o Hospital das Clínicas, Claro e Embratel fortalecerá o ecossistema de inovação, possibilitando os testes de novas tecnologias com potencial de trazer muitos ganhos para a saúde”, comenta Marco Bego, diretor do núcleo de inovação do Hospital das Clínicas. 

De acordo com o Vice-presidente de Negócios da Ericsson, Tiago Machado, para oferecer conectividade 5G na sala de cirurgia robótica, a Ericsson entrou como parceira no projeto e instalou a infraestrutura da rede para garantir eficiência e segurança às cirurgias.  

A chegada do 5G no Brasil amplia a capacidade de transmissão de dados e reduz o tempo de resposta, o que melhora a qualidade nos atendimentos e facilita a assistência a comunidades remotas que não têm equipamentos e especialistas.

O Icesp já atendeu mais de 120 mil pessoas, realizou 26 milhões de exames de análises clínicas, ultrapassou a marca de 560 mil sessões de radioterapia e mais de 560 mil sessões de quimioterapia.

Atualmente são 45 mil pacientes em atendimento, além de examinar cerca de 10% dos casos de câncer do Estado de São Paulo.

A Claro é uma das maiores operadoras de multisserviços do Brasil, presente em mais de 4,2 mil municípios brasileiros.

Em 2019, a empresa criou o beOn Claro, seu hub de inovação, para facilitar, potencializar e conectar a inovação dentro e fora da companhia.  A Claro faz parte da América Móvil, com presença em 25 países, na América Latina e também na Europa e Estados Unidos.

A Embratel é um dos principais fornecedores de serviços de TI e Telecom do Brasil. Ela fornece soluções como Cloud Computing, Data Center, Segurança, Internet das Coisas, Professional Services, entre outros. 

Presente há 97 anos no Brasil, a Ericsson faz parte do setor de telecomunicações no mercado brasileiro. 

Em novembro de 2019, a Ericsson anunciou um investimento de R$ 1 bilhão para o período de 2020 a 2025 em pesquisa, desenvolvimento e fabricação de 5G no Brasil.

Criada em 2019 e com sede em Natal, a NuT é uma startup voltada para o desenvolvimento de soluções inteligentes, viáveis e seguras para o mercado da saúde.

Desde o início de 2020, a startup figura como empresa pré-incubada da Inova Metrópole, incubadora de empresas do Instituto Metrópole Digital  da UFRN.

Veja também

CONTRATAÇÃO
Idwall tem ex-Porto Seguro como CTO

Daniel Cassiano também tem passagem por Magazine Luiza e Creditas.

E-COMMERCE
Shopee investe US$ 1,5 bilhão na América Latina

Empresa alcançou 5% de participação no e-commerce brasileiro em 2021.

CRESCIMENTO
Becomex fatura R$ 124 milhões, alta de 20%

Para 2022, a meta é crescer 30%.

SUECA
Grupo SBF organiza comunicação com Goalplan

Projeto vai atender todas as lojas do conglomerado de varejo de artigos esportivos.

CONTRATAÇÃO
Semantix tem novo VP de Pessoas e Desempenho

Mathias Rech tem passagens por iFood, Kraft Heinz e DIAM Group.

JURÍDICO
Sugoi adota solução da Lumen IT

Solução automatizou cerca de 300 contratos por mês.