INTERNET

Paraná: sete cidades com banda extralarga

24/04/2014 14:15

O serviço é atualmente oferecido em Curitiba, Pinhais, Ponta Grossa, Telêmaco Borba, Maringá e Irati.

Internet ultrarrápida chega ao município de Castro. Foto: Flickr.com/photos/javmorcas

Tamanho da fonte: -A+A

A Copel Telecom inicia nesta quinta-feira, 24, a oferta de internet ultrarrápida por meio de fibra óptica para clientes residenciais e comerciais na cidade de Castro, no Paraná. 

Castro será o sétimo município do estado a contar com esta possibilidade de conexão. O serviço é atualmente oferecido em Curitiba, Pinhais, Ponta Grossa, Telêmaco Borba, Maringá e Irati. 

Pinhais faz parte da região metropolitana de Curitiba, e Ponta Grossa é a segunda cidade mais próxima da capital entre as beneficiadas, ficando a 106 km. Castro e Irati estão localizadas a pouco mais de 150 km de Curitiba. Já Maringá, a terceira maior cidade do Paraná, está a 436 km de distância da capital do estado, enquanto Telâmaco Borba está a 249 km.

"Nossa meta é levar a banda extralarga a outros 20 municípios até o final de 2014", afirma o diretor da Copel Telecomunicações, Adir Hannouche.

Para disponibilizar o serviço em Castro, a empresa investiu R$ 1 milhão na implantação de uma rede de 78 quilômetros de fibras, que cobrem boa parte da área urbana do município. 

Embora grandes empresas do município já contem com as soluções em conectividade da Copel Telecom, a nova rede possibilita oferecer internet em banda extralarga – com velocidades de transmissão de até 100 Mbps (megabits por segundo) – para clientes residenciais e pequenas e médias empresas. 

As conexões do serviço oferecido pela Copel Telecom são feitas exclusivamente por meio de fibra óptica, do provedor até a casa do usuário. Pelo site é possível saber se a rede de fibra atende a uma determinada rua – basta informar o CEP. Pelo site também é possível conhecer detalhes do produto e solicitar sua instalação. 

A Copel Telecom está presente em todos os 399 municípios do Paraná, atendidos a partir de uma rede de fibra óptica de mais de 25 mil km. 

Esta malha digital permite à empresa atuar em três frentes de comercialização de produtos: soluções de conectividade para clientes corporativos em todo o Estado; internet residencial entre 20 e 100 Mbps pelo programa BEL Fibra e internet de 1 Mbps para municípios de até 10 mil habitantes dentro do programa Paraná Conectado, com a meta de chegar a 25 cidades em 2014.

Veja também

MUDANÇAS
Copel corta diretorias, incluindo Telecom

Não está claro como será gerida área de Telecom, na qual empresa investiu mais de R$ 80 mi em 2012.

IMPOSTOS
Paraná tem programa de notas fiscais

É provável que o governo paranaense tenha que abrir mais o bolso e desburocratizar o processo se quiser fazer a iniciativa dar certo.

TRANSMISSÃO
Copel vai de DWDM para backbone óptico

Empresa quer alcançar taxa de transmissão de dados de até 100 Gbps em seu backbone.

REDE 399
Paraná incentiva banda larga

Pontos da Copel estão disponíveis para provedores, que derão incentivos fiscais e crédito barato.

HP
São José dos Pinhais investe em TI

Foram R$ 2,82 milhões em tecnologia da HP entregues pela Teletex.

TELECOMUNICAÇÕES
Paraná na frente com lei de antenas

76 municípios tomaram medidas sobre o tema e 55 deles já aprovaram e sancionaram novas leis.

BPO
NTT Data amplia aposta no Paraná

Japoneses vão abrir segunda unidade em Curitiba e uma em Londrina.

GOVERNO
Paraná usa TI para controlar gasolina

Projeto será implantado para gerenciar o abastecimento de veículos da frota pública.