SEGURANÇA

Solução da Teradata na PRF

24/04/2014 12:11

O sistema será usado no projeto Alerta Brasil, para monitorar as rodovias federais.

Objetivo do projeto é equipar as rodovias com novas câmeras. Foto: Clarice Castro/GERJ

Tamanho da fonte: -A+A

O Departamento de Policia Rodoviária Federal (DPRF) adquiriu uma nova plataforma de análise de dados da Teradata Corporation

O sistema será usado no projeto Alerta Brasil, que tem a finalidade de proteger as fronteiras brasileiras por meio do monitoramento nas rodovias federais. O valor do negócio não foi divulgado.

O objetivo do projeto é equipar as rodovias com novas câmeras, para aperfeiçoar a identificação dos veículos e integrar dados como veículos roubados, mandados de prisão e outros relatórios relevantes. 

O Teradata ADW será a solução responsável por fornecer análises estatísticas e aumentar a capacidade de monitoramento dos mais de 61 mil km de rodovias brasileiras. 

"Os novos processos do DPRF ajudam a ampliar a visibilidade dos dados, gerenciar a complexidade dos dados e dar aos policiais uma vantagem na identificação e correção de questões públicas", afirma John Burke, vice-presidente de indústria da Teradata. 

O desenvolvimento do projeto foi conduzido pela Maxtera, revendedora da Teradata que está utilizando a plataforma SAS Fraud Framework for Government - desenvolvida para detectar e organizar processos de investigação de fraudes, desperdícios, abusos e pagamentos indevidos, bem como de outros crimes financeiros como lavagem de dinheiro.

“O SAS Brasil tem ampliado sua presença em governo, alcançando o crescimento de 205% na receita proveniente deste segmento em 2013”, explica Ricardo Saponara, especialista em fraude do SAS.

A Teradata afirma ser líder mundial em soluções analíticas focadas em gerenciamento de marketing integrado, análises de big data e aplicações de negócio. Os produtos e serviços inovadores da Teradata proporcionam integração e conhecimento para que as organizações alcancem uma maior vantagem competitiva. 

No Brasil desde 1996, a subsidiária brasileira da SAS conta com 200 clientes e escritórios em São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília.

Veja também

DE REVENDA A INTEGRADOR
Teletex: crescimento na era pós-HP

Por anos, empresa foi conhecida como revenda HP, mas rompeu com o fabricante e, de lá para cá, já conquistou 50 novos clientes como integradora multimarca.

SOLUÇÃO
Caesb reduz fraudes com Big Data da Teradata

Companhia diminuiu em 8,6% as fraudes de ligações de água em cerca de 650 hidrômetros que medem o consumo de seus clientes.

ENERGIA
Celesc adere ao Big Data da Teradata

O contrato prevê o uso de appliances de dados de alta performance para data warehouse.

TECNOLOGIA NA FISCALIZAÇÃO
PR do Paraná equipa viaturas

Foram implantados computadores Panasonic em 22 carros novos, agora 82 são usados.

HP
São José dos Pinhais investe em TI

Foram R$ 2,82 milhões em tecnologia da HP entregues pela Teletex.

MONITORAMENTO
PM do Paraná usa tecnologia no carnaval

Veículos contam com câmeras com infravermelho, televisores, telefones e rede Wi-Fi.

BIG DATA
SP: combate ao crime com Microsoft

Acesso a sistema na nuvem poderá ser feito via móvel por até 1 mil policiais ao mesmo tempo.