Rodrigo Paolucci, CEO da SambaAds. Foto: Divulgação.

A SambaAds, empresa de distribuição de conteúdo em vídeos online, recebeu um novo aporte de R$ 3 milhões dos atuais investidores: e.Bricks, 500 Startups e Rhodium (Israel). 

Com a nova rodada de investimentos, a empresa tem o objetivo de impulsionar a distribuição de conteúdo, contratar novos profissionais e aumentar a capacidade de geração de inventário.

“Acreditamos que o segmento de vídeos online seja um dos mais promissores para este ano. Temos convicção de que a SambaAds conseguirá expandir sua atuação com a nova rodada de investimentos e oferecer soluções ainda mais completas ao mercado”, comenta Pedro Melzer, diretor do e.Bricks.

Os esforços da SambaAds para 2015 estarão voltados para ações focadas em atrair novos publishers e produtores de conteúdo independentes, o que acarretará no aumento de sua biblioteca de conteúdo e impactará na escala da distribuição e inventário da empresa.

“Com a nova rodada, vamos trabalhar fortemente na curadoria do melhor conteúdo em vídeos online do Brasil, escalando sua distribuição para milhares de site parceiros, e uma solução inovadora para transformar a maneira como anunciantes, publishers e produtores interagem, engajam e monetizam sua audiência", comenta Rodrigo Paolucci, CEO da SambaAds.

Fundada em 2012, a SambaAds conecta produtores nacionais e internacionais a milhares de sites e blogs independentes. Já estão com a Samba produtores como Lance!, Omelete, TechMundo e Bolsa de Mulher.

Também estão na empresa como publishers: Correio24h, iBahia, Band, Leia Já, A Tarde, O Dia, Ana Maria e Estado de Minas.

Um dos investidores, o e.Bricks, é uma divisão da RBS voltada a investimentos em startups de tecnologia. Em 2013, a companhia estabeleceu um plano de investimentos de cerca de R$ 100 milhões em novos negócios, em um plano que contemplava de 12 a 15 empresas no total. Foram investidas até o momento empresas startups como RockContent, ZoeMob, Juv&You, e GuiaBolso. 

Outras 10 empresas de maior porte, acima dos R$ 30 milhões de faturamento, já tiveram participações compradas pela RBS, incluindo nomes como Wine.com.br, Predicta, Pontomobi, Guia da Semana, ObaOba, Hagah, Lets e Vitrinepix.