Wilson Hernandez, country manager da Panda Security. Foto: Divulgação.

A Panda Security, multinacional espanhola especializada no desenvolvimento de soluções de segurança de TI, fechou com a Officer e com a Axyon seus primeiros acordos de distribuição no Brasil.

Os contratos acontecem após um movimento global da Panda para mudar seu foco de atuação do usuário final de varejo para o mercado corporativo.

Com foco inicial no desenvolvimento de software antivírus, a Panda Security expandiu sua linha de negócios nos últimos anos para serviços de segurança com tecnologia de proteção contra o cibercrime. 

A empresa quer crescer no mercado corporativo com a plataforma Adaptive Defense 360, que integra recursos de Endpoint Protection Platform (EPP), Endpoint Detection and Response (EDR) e Security Information and Event Management (SIEM).

No Brasil, a reestruturação da empresa para o novo modelo foi iniciada com a contratação de Wilson Hernandez, que assumiu o cargo de country manager em junho de 2017. Antes, ele foi gerente de canais da Symantec e atuou por sete anos na Cisco.

“Globalmente, a Panda Security incrementou seu faturamento na casa de dois dígitos nos últimos anos, e nossa expectativa é continuar nessa velocidade em 2018. Reestruturamos as operações locais no Brasil no ano passado, estamos fortalecendo a nossa estrutura de canais com a parceria com a Officer e definimos um planejamento contemplando nossa forte atuação no segmento B2B”, relata Hernandez.

Para reforçar as vendas indiretas, a Panda também reestruturou a organização de seus canais, seguindo o modelo implantado no ano passado nas unidades da Europa. 

De acordo com o volume de negócios e especialização, os parceiros agora são divididos nas categorias Business, Premier e Elite. Neste ano, o objetivo da companhia é contar com pelo menos 20 canais no nível mais alto do programa.

Com isso, a empresa espera aumentar em 14% sua taxa de novos clientes em 2018. A empresa atende a mais de 2 mil empresas no Brasil.

Fundada em 1990 na cidade de Bilbau, Espanha, a Panda conta com clientes em mais de 200 países e escritórios em mais de 50 países.

Há 32 anos atuando no país, a Officer é uma das pioneiras no mercado brasileiro de distribuição de produtos de tecnologia. No entanto, a empresa, que chegou a prever um faturamento de R$ 1,8 bilhão para 2015, entrou em recuperação judicial no mesmo ano. 

Em 2016, aprovou um acordo com seus credores para a reestruturação da sua dívida de aproximadamente R$ 300 milhões. No final deste mesmo ano, a Officer foi adquirida pelo fundo Metta Participações. 

A companhia conta com mais de 7 mil revendas e possui centros de distribuição em São Paulo, Paraná e Espírito Santo, além de escritório de vendas em São Paulo. 

Já a Axyon conta com mais de 2 mil revendas cadastradas e atua especialmente nas áreas de segurança, telecom, automação predial (building) e redes.