Mauro Capellão.

A Symantec fechou um acordo com a SND para agregar a distribuidora brasileira ao seu canal de distribuição no Brasil, que já inclui a compatriota Acorp e as multinacionais Ingram Micro e Westcon. 

Em nota, a Symantec agrega que o objetivo é levar às pequenas e médias empresas soluções de segurança “sem comprometer de forma excessiva seus orçamentos”.

Para a SND, é um reforço no portfólio de segurança da companhia, que só contava com a Norton.

Com faturamento de R$ 560 milhões no ano passado, uma alta de 5,5% frente aos resultados de 2014, a SND é a grande distribuidora brasileira independente, depois da quebra da Officer e da aquisição de boa parte dos demais players por multinacionais.

A meta da empresa para 2016 é crescer 12%, principalmente em novos modelos de negócios, que contemplam o lançamento da estrutura de serviços Microsoft, da sua plataforma de venda CSP (Cloud Solution Provider) e no atendimento consultivo.

A entrada da SND é uma aposta de Mauro Capellão, ex-gerente de vendas de canal da Riverbed, que assumiu a diretoria de canais da Symantec em agosto do ano passado.