Nicholas Allegra, agora no Google. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

Nicholas Allegra, conhecido pelo codinome "Comex", foi contratado pela Apple em 2011 por um feito notável: com 19 anos, desenvolveu o JailBreakMe, ferramenta que possibilitou o desbloqueio de milhões de iPhones e iPads ao redor do mundo. Pois bem, ele acabou de ser contratado pelo Google.

Segundo informação da revista Forbes, o hacker mudou de casa não por motivos de concorrência, e sim porque marcou bobeira. Segundo relatou o jovem à revista norte-americana, ele esqueceu de enviar a documentação para renovar seu contrato com a empresa de Cupertino.

No que também foi uma mancada da Apple, a empresa não entrou em contato com o jovem e simplesmente anunciou a terminação do contrato.

Oportunamente, antes que Allegra fosse para o olho da rua, a gigante das buscas interviu e chamou o jovem para integrar suas fileiras como estagiário.

Ao contrário do que poderia se imaginar, o programador não deverá trabalhar com o sistema operacional Android, maior concorrente do iOS, sistema que hackeou há dois anos.

"Nunca gostei dele (Android) o bastante para querer hackeá-lo", disparou.

Quando lançou o JailbreakMe 3, na metade de 2011, Allegra incitou uma onda de desbloqueios dos dispositivos Apple. Cerca de dois milhões de usuários baixaram a ferramenta criada por ele para remover restrições em iPhones e iPads.

Na época, ao descobrirem que o feito partiu de um garoto de 19 anos, analistas e especialistas de segurança ficaram impressionados com o talento do hacker. Na ocasião, Dino Dai Zovi, hacker que trabalha para a Apple, afirmou à imprensa que Allegra "vinha do futuro".

Agora a bola está na quadra do Google.