Google ajudará empresas a ver o ROI do marketing móvel. Foto: reprodução.

Tamanho da fonte: -A+A

De olho no fértil mercado de publicidade móvel, o Google está colocando no ar um novo serviço chamado Full Value of Mobile, com a intenção de ajudar empresas a medirem o retorno de seus investimentos em mídia mobile, mais especificamente com os Google Adwords.

Segundo destaca o TechCrunch, o mercado de anúncios para tablets e smartphones deve atingir valores em torno de US$ 11,4 bilhões.

De acordo com analistas, ferramentas como a do Google chegam para ajudar as empresas em avaliar em valores a eficácia de suas campanhas em relação aos números de vendas e repercussão da marca online.

A calculadora dará equações simples e marcadores que levam em conta diferentes aspectos de uma campanha de marketing mobile, como número de ligações e impacto de campanhas multiplataforma em relação às campanhas em uma única mídia.

A aplicação faz cálculos referentes a outras métricas como valor total, valor por click, custo-benefício de ações e retorno sobre investimento (ROI) de uma campanha.

Estas métricas ajudam a trazer um maior contexto para os recursos que o Google vem lançando para a plataforma, provendo para as empresas um acesso facilitado para fazer suas análises, afirma Ingrid Lunden, do TechCrunch.

"Isto é importante especialmente para pequenos negócios, que não tem o orçamento para grandes campanhas ou times de profissionais dedicados a este trabalho", afirma.

O Google vem puxando diversas iniciativas para fortalecer o mercado móvel, inclusive no Brasil. Em setembro, a empresa anunicou um serviço de conversão gratuita de sites para uma versão mobile.

Com 27 milhões de usuários smartphones no país – 31% já fizeram pesquisas de preços em seus aparelhos, por exemplo – é claro o interesse da gigante de Mountain View em potencializar o uso de Internet móvel, e por tabela, a visibilidade dos seus links patrocinados.

Outra iniciativa em 2012 foi a divulgação lista de agências especializadas em mobilidade com um “selo de aprovação” da companhia, incluindo Queen Mob (RS) Gringo (SP), Mobext (Global), Gotcha (SP) e .Mobi (SP), que faz parte da holding digital do Grupo RBS.