Transporte da capital gaúcha agora no Moovit. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

Depois de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Curitiba, agora Porto Alegre é a nova capital a receber o Moovit, aplicativo de crowdsourcing com informações do trânsito e transporte público em tempo real.

A aplicação, criada por uma empresa israelense, incorpora recursos como planejador de viagem, com base nos dados dos ônibus de Porto Alegre e nas informações geradas pelos usuários do Moovit, criando um ecossistema de informações sobre o transporte público.

Em Porto Alegre, o serviço tem o objetivo de cobrir uma frota de 1,7 mil veículos, que atendem cerca de 1,2 milhão de passageiros diariamente e cobrem cerca de 55 km de corredores exclusivos para ônibus.

Segundo destaca a empresa, somente por andar com o aplicativo aberto já é possível contribuir com dados em tempo real, sobre a localização da condução e os horários de chegada de diferentes linhas de ônibus.

Além disso, os usuários podem reportar as condições do transporte, se está lotado, atrasado, tem acesso para cadeirantes, como o motorista dirige e a limpeza. Os dados em tempo real são gerados pelos usuários. Quanto mais pessoas usarem, mais preciso o aplicativo fica.

Segundo informações da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), as principais reclamações dos passageiros vem dos atrasos nos horários e no atendimento de motoristas e cobradores. Para Omar Tellez, CEO da Moovit, a plataforma é também uma forma do usuário ser um fiscal do serviço.

“Os passageiros vêm se mostrado receptivos e enviando sugestões o tempo todo sobre melhorias e formas de informar o status real da situação no transporte a partir desta atitude colaborativa”, afirma o executivo.

Gratuito e disponível para Android e iOS, o Moovite está em funcionamento nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Itajaí e Curitiba. Segundo a empresa, cerca de 225 mil usuários brasileiros usam o app.

Criado em Israel em 2011, o app já está em operação em diversas cidades do mundo como Roma, Madri, Holanda, Nova Iorque, São Francisco, Chicago, Boston e outras cidades norte-americanas.

O Moovit investiu mais de US$ 4 milhões no projeto mundialmente e já conta com 1,7 milhões de usuários globais, segundo informações divulgadas pela empresa.