Foto: flickr.com/photos/moaksey

Tamanho da fonte: -A+A

A Anac vai fazer uma auditoria operacional no sistema de checkin das empresas TAM e Gol por causa dos problemas recentes apresentados na emissão de bilhetes.

Segundo informações da Agência Brasil, na próxima quarta-feira, 31, a diretoria da Agência vai fazer uma reunião com a Gol e a Secretaria de Aviação Civil (SAC) para que a empresa possa explicar as causas dos problemas em seus sistema de check-in.

Na manhã dessa quinta-feira, 25, o sistema da Gol apresentou instabilidade, com impactos pouco significativos em alguns aeroportos.

A companhia já tinha sido notificada pela Anac por causa dos problemas anteriores e terá dez dias para apresentar comprovantes de prestação de assistência aos passageiros nos casos de atrasos e cancelamentos de voos.

O descumprimento das regras pode gerar multas entre R$ 4 mil e R$ 10 mil por passageiro, podendo chegar a R$ 1,74 milhão por voo.

TAM TAMBÉM LEVA PUXÃO
No dia 15 deste mês, a TAM foi notificada pela Anac para prestar explicações sobre as falhas no sistema de check-in que causaram caos em diversos aeroportos do país.

Na ocasião, a empresa precisou comprovar a prestação de assistência aos passageiros afetados pelos atrasos.

A Anac orienta os passageiros que se sentirem prejudicados a procurarem primeiramente a empresa aérea contratada para reivindicar seus direitos. Se as tentativas de solução do problema não apresentarem resultado, o consumidor poderá encaminhar a demanda para a Anac, para os órgãos de defesa do consumidor e para o Poder Judiciário.