O IDC projeta que as vendas de iPads cairão 12,7% em relação a 2013. Foto: mmphotographie.de/Shutterstock.com

As vendas de tablets no mundo vão aumentar apenas 7,2% em 2014. O número é bem menor do que a alta de 52,5% alcançada em 2013, de acordo com a empresa de pesquisas IDC. 

No total, 235 milhões de unidades de tablets devem ser comercializadas no ano.

Para a IDC, os usuários estão ficando com os tablets mais tempo do que o esperado, uma razão para essa diminuição nas vendas desses aparelhos, aponta a IDC. As trocas de tablets eram esperadas a cada dois ou três anos, mas os donos estão ficando com eles três anos ou mais.

Os números da IDC incluem aparelhos híbridos que são principalmente tablets, mas também podem funcionar como laptops quando necessário com teclados acoplados. 

O aumento das vendas desses aparelhos foi de apenas 4%.

O IDC está projetando que as vendas do iPad, da Apple, sejam de 64,7 milhões de unidades neste ano, uma queda de 12,7% em relação a 2013. 

Por outro lado, as vendas de tablets Android e Windows estão aumentando. 

A comercialização de aparelhos Android vai alcançar 159,5 milhões de unidades em 2014, um crescimento de 16%. 

Já os tablets e híbridos Windows chegarão a 10,9 milhões de unidades vendidas neste ano, aumento de 67,3%.

A IDC projeta que as vendas de tablets vão continuar desacelerando até 2018, quando o crescimento anual será de apenas 5,4%.