É importante. Foto: flickr.com/photos/calignosus/

O UOL Diveo recebeu da certificadora BSI o selo ISO de segurança da informação, o 27001.

Para obter o selo de qualidade, o UOL Diveo seguiu uma série de condições, processos e controles internos durante um ano, e envolveu diversos colaboradores das áreas de segurança da informação, operação, service desk, infraestrutura, processos, recursos humanos, administrativo e jurídico.

Segundo o data center, também foi investido em treinamentos de segurança da informação para todos os profissionais envolvidos, incluindo terceiros prestadores de serviço nas áreas de infraestrutura, segurança física e limpeza.

Nelson Novaes Neto, responsável pela unidade de Serviços Gerenciados de Segurança (MSS) do UOL Diveo, uma das grandes preocupações para as empresas é a confiança no tratamento adequado da informação.

O clube dos donos da ISO 27001 é relativamente pequeno e não tem crescido muito. O UOL Diveo é a 26a certificada no país.

Em todo o mundo, o número tampouco está crescendo muito. Hoje existem 7940 certificados em todo mundo, frente às pouco mais de 7 mil do começo de 2011.

Aproximadamente a metade delas estão no Japão, onde a ISO 27001 já é obrigatória para quem quer vender ao governo.

O UOL Diveo é a marca que concentra os serviços de outsourcing e infraestrutura de TI voltados para o mercado corporativo do UOL, construída a partir de uma série de aquisições nos últimos anos, sendo a mais importante delas a própria Diveo, no final de 2010.

Em fevereiro, foi a vez da Compasso, empresa de Porto Alegre especializada na integração de soluções da Oracle, na qual o UOL Diveo comprou 51% de participação.

Em março do ano passado, a UOLDiveo comprou 51% do capital da paulista Solvo, especialista em prestação de serviços de TI  baseados em práticas de ITIL, Cobit, PMI e ISO 20000.