Luis Haroldo Iepsen. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Oi anunciou que vai investir R$ 178 milhões em Santa Catarina em 2013, o que elevará para R$ 470 milhões o aporte destinado pela operadora ao estado em três anos.

“É o maior montante entre todas as operadoras de telecomunicações”, afirma comunicado da Oi divulgado um dia após a TIM ter divulgado que vai destinar R$ 50 milhões este ano para as regiões de DDD 47 (Blumenau, Vale do Itajaí e Litoral), 48 (Florianópolis) e 49 (Meio Oeste Catarinense).

No caso da Oi, o investimento será para expandir e modernizar a rede de telefonia móvel 2G, 3G, e banda larga.

A operadora tem aproximadamente três milhões de clientes no estado, dos quais 1,25 milhão são de telefonia móvel, 1,20 milhão de fixa, 436 mil de banda larga fixa e 65 mil de TV por assinatura, além de 33 mil telefones públicos instalados.

“Os investimentos em Santa Catarina fazem parte de nossa estratégia com foco em rede e infraestrutura, que se alinha também à evolução de outras áreas da operadora, como os serviços de TV por assinatura”, afirma o diretor de Operações da Oi na região Sul, Luis Haroldo Iepsen.

PNBL E BANDA LARGA NAS ESCOLAS
No estado, a Oi tem ofertas do PNBL em 82 municípios.

O projeto também inclui banda larga gratuita para 2.519 escolas públicas catarinenses, englobando mais de um milhão de estudantes.

WIFI GRÁTIS
Além disso, a operadora assinou, em março, um convênio com a prefeitura de Florianópolis para instalação de telefones de uso público (TUP) com acesso gratuito e ilimitado à internet, via Wi-Fi, para clientes Oi Velox, Oi Velox 3G (acima de 250MB), Oi Dados (acima de 500MB), Oi Conta Total e Oi Smartphone.

Usuários do Brasil e do exterior, clientes de outras operadoras,que tenham dispositivo com Wi-Fi podem usar a rede gratuitamente por até 15 minutos diários.  

A capital catarinense foi a primeira cidade do país a contar com esse serviço.

“Testes já estão sendo realizados desde outubro do ano passado. O primeiro orelhão funciona no Largo da Catedral e a previsão é de que 30 aparelhos sejam instalados até o fim de 2013”, comenta Iepsen.

Desde novembro de 2011, quando anunciou um plano de expansão de Wi-Fi, a Oi expandiu os pontos de acesso no país para atuais mais de 30 mil hotspots (em Santa Catarina, são 926), com média de 1 mil novos pontos por semana.

A meta da companhia é alcançar 100 mil hotspots até o fim de 2013.

COBERTURA MÓVEL E NOVOS SITES
Em 2012, a Oi instalou em Santa Catarina cerca de 113 novos sites de telefonia móvel 2G (12) e 3G (101), somando-se aos 710 já existentes.

A cobertura de telefonia móvel 2G atingiu 183 municípios catarinenses e a capacidade 3G fica em mais de 157 sites.

Este ano, a meta da companhia é estar presente em 13 novas cidades do estado, chegando a um total de 54 municípios com 3G.

Em 2012, foram 32 localidades catarinenses acrescentadas à cobertura 3G da empresa, crescimento de 255% em relação a 2011.