Projeto pode evitar novos casos como o da Kiss. Foto: Agência Brasil.

Tamanho da fonte: -A+A

O jornal Estado de São Paulo lançou nesta segunda-feira, 28, um projeto colaborativo que visa denunciar locais noturnos que não oferecem segurança aos seus frequentadores.

De acordo com notícia da publicação, os internautas que localizarem baladas que ofereçam insegurança podem postar fotos no Instagram com a hashtag #baladainsegura, informando o nome, endereço e os problemas encontrados ou entrar em contato pelo e-mail estadao@gmail.com.

A publicação afirma que enviará repórteres no local para conferir a situação.

O projeto foi lançado um dia após um incêndio na boate Kiss em Santa Maria causar a morte de 248 pessoas em Santa Maria.

As causas do acidente ainda estão sendo investigadas, mas relatos iniciais indicam que as vítimas morreram por asfixia depois que um show pirotécnico de uma das bandas de uma festa universtiária incendiou a proteção acústica do teto do local.