Ailton Brandão, CIO da Kroton. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

O grupo Kroton Educacional migrou para a nuvem com a implementação da solução Office 365 para Educação, com o apoio da Brasoftware.

A companhia migrou mais de 6 mil contas para o ambiente virtual da Microsoft. Antes as contas eram hospedadas in house, mas o grupo precisava de uma plataforma mais confiável.

De acordo com Maurício Oliveira, gerente de Infraestrutura de TI da Kroton, o serviço de e-mails dos colaboradores apresentava problemas em função do grande volume de armazenamento e alto custo com a administração da solução.

Com 447 polos ativos de ensino a distância, a empresa também precisava oferecer acesso aos profissionais (professores, gestores e equipe administrativa) mesmo fora das unidades escolares.

“Agora, os usuários contam com uma infraestrutura altamente disponível e sem queda de e-mails. Cada caixa de e-mail possui uma memória de 25GB por usuário”, comenta Renata Siqueira, gerente de projetos da Brasoftware.

Para este ano, Ailton Brandão, CIO da Kroton, prevê a ampliação do projeto com a implementação da plataforma de colaboração, SharePoint, e de comunicação unificada, Lync.

O Kroton Educacional, que atende desde os segmentos de educação básica até a pós-graduação, está presente em 10 estados do Brasil, com 53 campi e 411 mil alunos no ensino superior, nas modalidades de ensino presencial e à distância.

Em 2012, o grupo adquiriu a Unopar e a Uniasselvi, aumentando para 9 mil o número de contas de e-mails corporativos.

MARISTAS TAMBÉM

Quem também adotou o Office 365 pela Brasoftware foi a instituição Marista, que implantou a solução em suas unidades na província Brasil Centro-Norte.

A implantação envolveu 17 colégios, 34 unidades sociais, duas instituições de ensino superior, um museu, nove teatros e quatro centros de hospedagem e lazer em 16 estados e no Distrito Federal.