Foto: Divulgação

O Itaú BBA, banco de atacado, investimentos e tesouraria do grupo Itaú Unibanco, vai investir US$ 2 milhões em tecnologia Cisco para ampliar seus negócios na América Latina.

A instituição adota as soluções para todo o ambiente de TI, incluindo servidores, rede, aumento da segurança de acesso e sistemas de telefonia IP.

A implementação será feita de forma integrada, em sincronia com o plano de expansão que inclui países como Argentina, Chile, Peru e mais recentemente Colômbia, afirma a empresa.

Atualmente, o core da infraestrutura de tecnologia da instituição está concentrado em São Paulo e conectado a todos os escritórios nacionais e internacionais. Há ainda conexões diretas com a BM&F Bovespa através da corretora do Itaú e do próprio banco.

Uma segunda filial entrou em operação em fevereiro. O banco na Colômbia e um novo escritório no Peru estão em processo de estruturação e o próximo passo será a renovação das filiais do Chile e Argentina.

REDE DE DADOS E TELEFONIA
O Itaú BBA também investiu  na reestruturação da rede de dados e aumento do sistema de telefonia com o objetivo de assegurar maior número de conexões. No caso da telefonia, 70% da estrutura do banco já é digital. Os outros 30% serão migrados até o final do primeiro semestre de 2013ç

Para a renovação da base de servidores, a Cisco, em parceria com a Promon Logicalis, Netapp e VMware, ofereceu uma nova plataforma de computação unificada.  

TELEPRESENÇA
Outro projeto da Cisco para o Itaú foi a implantação  de salas de telepresença em todo o país.
A solução conjuga transmissão multiponto de áudio e vídeo em alta definição sobre rede IP.

Hoje o banco conta com 16 salas de telepresença, distribuídas pelos  escritórios localizados em São Paulo, Salvador, Curitiba, Belo Horizonte, Rio de Janeiro e Porto Alegre. O projeto também permitiu a conexão das unidades brasileiros com as externas do Itaú BBA na América do Norte e Europa.