A Proibida gerencia demandas do setor de TI com a solução da Ellevo. Foto: Divulgação.

A Cervejaria Proibida acaba de implantar o sistema da Ellevo para gestão de processos e controle de atividades nos negócios. 

A empresa passou a utilizar em abril módulos da companhia catarinense dentro da área de tecnologia da informação.

Com a solução, a Proibida irá gerenciar todas as demandas do setor de TI através dos módulos "chamados & tarefas", "formulários" e "inventário". 

O sistema, hospedado na nuvem em estruturas da IBM, ainda conta com um Portal Corporativo personalizado. 

A implantação ainda conta com a automatização de ações entre a Proibida e o prestador de serviços para TI contratado pela companhia, através dos módulos de gerenciamento de correio e roteiro de processos.

"A confiança da Proibida em nossas soluções mostra que estamos no caminho certo e que a tecnologia que ofertamos está dentro das necessidades das grandes empresas brasileiras para gestão de suas atividades. A utilização de inteligência e automatização de negócios com o robô Ellevo Connectivity, que integra processos e executa atividades sem a interferência humana, é um dos destaques", diz Lukas Savvas, executivo da conta.

A Proibida é um produto da Companhia Brasileira de Bebidas Premium (CBBP), empresa que conta com instalações industriais nas cidades de Pindoretama (Ceará), Frutal (Minas Gerais) e Camaçari (Bahia).

Em 2017, a Ellevo está investindo em inteligência artificial para agregar novos recursos à ferramenta. Para isso, firmou uma parceria com a IBM, ligada ao Watson.

Também neste ano, a Ellevo realizou uma renovação de sua comunicação visual e da nomenclatura de produto. 

“Demos esse importante passo para que nossa marca e posicionamento de mercado ficassem mais alinhados com o que fazemos de fato. Nossa plataforma aposta em serviços compartilhados e automatizados, que trazem mais produtividade para as empresas, através de registros de atividades, gestão de tarefas, controle e ações desencadeadas sem a necessidade de interferência humanas”, explica o diretor da Ellevo, Carlos Alberto D’Ávila.

Fundada em Blumenau em 2006, e com unidade de negócios em São Paulo, a Ellevo tem mais de 200 clientes. Entre as empresas atendidas estão BRF, Grupo Positivo, Fiesc e Senior Sistemas.