WEB SEGURA

Brasil entra em mega iniciativa anti-phishing

29/06/2012 17:39

UOL entra na briga contra o phishing.

Tamanho da fonte: -A+A

O Brasil já tem um representante no maior programa global de combate ao phishing, organizado pela Return Path, especializada em certificação de e-mails e monitoramento de reputação de marcas: o UOL, especializado em conteúdo e serviços de Internet.

O projeto permite que os provedores de serviços de internet adotem o novo padrão de autenticação Dmarc (sigla para Domain-based Message Authentication, Reporting & Conformance) mais rapidamente.  

O Dmarc ré uma especificação técnica criada por um grupo de organizações focadas na segurança da web, especialmente no mercado de e-mail.

A resolução inclui aspetcos operacionais, de implantação e relato de problemas relacionados a protocolos de autenticação de e-mail.

“Isso aumenta a proteção de seus clientes e de suas marcas contra os ataques de phishing, além de melhorar a confiabilidade no e-mail como forma de comunicação”, explica Louis Bucciarelli, diretor geral da Return Path no Brasil.

A entrada do UOL é importante para a iniciativa, segundo Bucciarelli, uma vez que o Brasil desponta no cenário global de phishing.

No país, os e-mails com tentativa de roubo de dados são mais frequentes do que em qualquer outra parte da América Latina, segundo pesquisa da empresa de segurança ESET.

Só este ano, até abril 16 bancos nacionais haviam tido suas páginas na web falsificadas, conforme a pesquisa, que, ao todo, identificou 63 sites falsos com terminações “br” e “gov.br”.

O portal do UOL marca apresenta média de 6,1 bilhões de páginas vistas todo mês, enquanto a homepage recebe, mensalmente, cerca de 50 milhões de visitantes únicos, o que faz da companhia a maior do país em seu segmento, conforme dados do sistema Omniture de mensuração de audiência.

Com 2,5 milhões de assinantes pagantes de serviços de acesso, conteúdo e produtos, a UOL conta com mais de 1 mil canais de jornalismo, informação, entretenimento e serviços.

Veja também

Phishing: Brasil lidera pescaria virtual

As tentativas de roubo de dados, também chamadas de phishing (de pescaria, em inglês), são mais frequentes no Brasil que em qualquer outra parte da América Latina, apontam dados da empresa de segurança ESET.

Segundo relatório divulgado nessa terça-feira, 19, 16 bancos nacionais já tiveram suas páginas na web falsificadas.

BB:phishing partia de server em domínio Winco

Será apresentado nesta quinta-feira, 16, o balanço final da operação Orion, conduzida pelas polícias judiciárias civis do Mato Grosso, Rio de Janeiro, São Paulo, Bahia e Ceará para investigar um esquema de fraude de contas do Banco do Brasil via golpe de phishing.

Eset: phishing rende US$ 100 mil/mês no BR

Um único golpe de phishing no Brasil poderia roubar US$ 100 mil por mês, diz analista da empresa de segurança Eset.

Joaquín Varela, Engenheiro de Malware da companhia, acompanhou as estatísticas de acesso de um site de phishing monitorado pela Eset desde o mês de março. Segundo o Varela, foram recebidos 2013 visitas, com média mensal de 60 acessos.

CPF faz parte dos golpes de phishing scam

Os golpes de phishing scam, aplicados por cibercriminosos na web brasileira, envolvem agora o CPF dos cidadãos em e-mail falso, informa o site IDG Now.

A mensagem que está circulando na internet utiliza o nome de um banco brasileiro e nos campos do assunto e da mensagem apresenta o nome completo do destinatário, incluindo o número do CPF.

Phishing, a fraude mais usada no Brasil

O phishing é a fraude na internet mais usada da internet brasileira.

Estudo do Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasil (CERT.br) indica que as notificações da atécnica representam 49,4% dos ataques sofridos e reportados por internautas no país.

No phishing, termo que vem da palavra pescaria em inglês, o cracker usa uma página web fraudulenta para obter dados sigilosos do usuário.

TCHAU.COM?
UOL é top level domain com .uol

Com o registro, os serviços do UOL podem deixar de ter o final .com. Projeta-se que os novos domínios custariam US$ 185 mil.

NOVO DONO
UOL vende operação Colômbia da Diveo

A integradora chilena de TI Synapsis comprou a operação de data center da Diveo na Colômbia do UOL Brasil por US$ 35 milhões, a serem pagos ao longo dos próximos quatro anos.

UOLDiveo cresce 18% em 2011

A UOLDiveo cresceu 18% em 2011, primeiro ano de operação conjunta das empresas após a compra da Diveo pela UOL, no final de 2010.